Dicas de destinos mais desejados para o Réveillon 2018.

Normalmente, as viagens de Réveillon precisam ser programadas com certa antecedência, e por isso vamos dar as dicas mais importantes para que tudo ocorra bem nessa ocasião muito especial. Essa preparação vai além da quantia de dinheiro que será gasta, uma viagem envolve muitos detalhes e por isso o ideal é fazer um cronograma da sua viagem.

Conheça os destinos mais desejados para o Réveillon de 2018

Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro é um dos locais mais famosos para a festa de Réveillon. Existem diversos pontos da cidade em que se têm festas para se comemorar essa data, porém, a queima de fogos na praia de Copacabana é a mais famosa. Essa praia fica lotada e são realizados vários shows com diversas atrações musicais em pontos diferentes da praia. Esses shows são gratuitos e os convidados são cantores que estão no auge do sucesso. O ponto positivo de passar o Réveillon na praia de Copacabana é que os shows são gratuitos e ficar na praia também.

O ponto negativo é que esse local é muito cheio e é preciso ter muito atenção com aparelhos eletrônicos e pertences pessoais.

Existe ainda a possibilidade de assistir as queimas de fogos de alguma cobertura que fique de frente para praia de Copacabana. Porém, essa opção pode sair um pouco cara.

Porto de Galinhas – Pernambuco

Porto de Galinhas é um local lindo e muitas pessoas acabam escolhendo esse destino por sua fama. E umas das datas em que se tem muitos turistas nesse local é no Réveillon. Porto de Galinhas é famoso por suas diversas praias e piscinas naturais. Existem muitas opções de festas para o dia 31 de dezembro, então há muitas opções para passear nesse grande dia. Tem muitos hotéis com preços variados e que cabem no orçamento de diferentes pessoas.

Chapada do Veadeiro

Essa é uma das melhores opções de destino para o Réveillon de 2018. Nesse local tem o Alto Paraíso de Goiás. Lá existe uma grande referência da beleza da natureza e por isso a experiência é sensacional. Esse lugar dar para se aproveitar antes, durante e depois do Réveillon de 2018. Na Chapada do Veadeiro possui muitas cachoeiras com águas claras e transparentes. Conheça algumas das cachoeiras mais famosas da Chapada do Veadeiro:

  • Cachoeira Louquinhas
  • Catarata dos Couros
  • Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Existem muitas pousadas nesse lugar e com preços bem variados. Os pacotes para essa época do ano encarecem um pouco, o ideal é começar a pagar com antecedência e ter algum desconto.

Dicas de pacotes de Viagem para o Réveillon de 2018

Para quem deseja viajar no Réveillon de 2018 é preciso fazer uma pesquisa e ter um preparado com alguns meses de antecedência. Dessa forma é possível economizar e não sentir tanto no investimento da viagem.

Veja as dicas para conseguir um bom pacote para essa viagem de final de ano:

Procure por agências com nome reconhecido no mercado

Sempre opte por escolher uma agência conhecida e é fundamental ver a reputação da mesma antes de fechar qualquer pacote.

Analise com calma o valor e o possível custo-benefício do mesmo

Nem todo pacote de viagem vai trazer um real benefício. O ideal é comparar o valor do pacote que mais lhe interessa com os de outras agências de viagem, e ver a diferença de possíveis serviços e descontos.

Parcele o pagamento do valor do pacote da viagem do Réveillon de 2018

Para não sentir no bolso o valor da viagem de Réveillon, a melhor opção é parcelar essa viagem. Assim fica bem fácil pagar e ainda pode ter alguns descontos.

Dicas para hospedagem

A hospedagem é uma parte muito importante em qualquer viagem. E o ideal é fazer uma pesquisa minuciosa não só de valor, mas também do atendimento do hotel. Existem diversos sites de comparação de preço de hotéis e neles contém uma avaliação do atendimento de forma geral como: Ambiente, serviço de quarto, atendimento do restaurante, internet, comida e outras coisas. Dessa forma fica bem mais fácil não errar na escolha.

Agora é só escolher seu destino para o Réveillon de 2018 e se programar para que dê tudo certo.

Por Cristiane Amaral


Nome busca homenagear político que lutou pela redemocratização do país.

O nome do Aeroporto de Congonhas, localizado na cidade de São Paulo, após o dia 16 de junho teve seu nome alterado para Aeroporto Deputado Freitas Nobre.

A alteração foi feita após o decreto da Lei nº 13.450, de 16 de Junho de 2017, sancionada pelo presidente Michel Temer, que alterou o nome do Aeroporto e entrou em vigor a partir da data de sua publicação.

A modificação do nome se deu como uma homenagem para o Deputado Freitas Nobre, que possui um significativo histórico no processo de redemocratização do país após a Ditadura Militar.

Falecido em 1990, o cearense José de Freitas Nobre se formou em Direito na USP (Universidade de São Paulo) em 1948. Sua trajetória política tem como pontos de destaque a presidência do Sindicato de Jornalistas Profissionais de São Paulo, além de ter sido vice-prefeito da cidade pelo PSB, antes da implementação do bipartidarismo.

Freitas Nobre passa alguns anos na França por exílio, devido a Ditadura Militar, retornando ao Brasil em 1967, quando inicia seus processos de candidatura para Deputado. Suas propostas e atuação eram relacionadas ao movimento das Diretas Já e a anistia.

Os anos da década de 1970 marcam sua eleição como deputado federal, feita por meio do Movimento Democrático Brasileiro. Na mesma década, se torna líder do mesmo partido na Câmara dos Deputados, sendo um dos políticos que fez uma das maiores oposições à ditadura militar.

Obtém seu doutorado em economia da informação e direito na França, também na década de 1970. Tempos depois, se tornou professor titular na ECA-SP (Escola de Comunicações e Artes de São Paulo), porém, devido a sua carreira política, precisou se afastar da docência feita todos os dias. Em sua carreira política, consegue se tornar vice-presidente da Câmara, sendo que atualmente um dos auditórios do local possui seu nome. Seu filho, Marcos Nobre, é professor de filosofia na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

O antigo Aeroporto de Congonhas é o segundo aeroporto mais movimentado de todo o país. Além disso, é também considerado como um aeroporto executivo do Brasil, uma vez que grande parte de seus passageiros viajam a negócios entre São Paulo e outras cidades, como Brasília e Rio de Janeiro.

Isabela Palazzo


Belém possui uma cultura única, rica e cheia de atrações. Confira os principais pontos turísticos da cidade.

Para quem não conhece a capital Paraense, Belém, está perdendo tempo e deixando de conhecer uma cultura única, rica e cheia de atrações, pois além de ser uma cidade turística e roteiro de passeio para muita gente, Belém, é um lugar de um povo muito hospitaleiro e que gosta de uma boa prosa.

Fundada em 12 de janeiro de 1616, é a cidade mais populosa do Pará, com aproximadamente 1 milhão e meio de pessoas, segundo a estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e com seus 400 anos de história, Belém tem uma forte influência, cultural, social, política e econômica em mais de 8 milhões de pessoas nos estados brasileiros do Tocantins, Amapá e Pará. Apesar de ser uma cidade de clima bem quente, devido à sua localização geográfica, a cidade oferece várias opções de lazer e alguns pontos turísticos de Belém merecem destaque.

Um dos mais famosos, sem dúvidas, é a Estação das Docas que é um complexo turístico composto de lojas dos mais variados tipos, além de uma linda vista para a Baia de Guajara, ficando localizada bem no centro de Belém.

A procissão do Círio de Nazaré também é muito famosa em Belém e atrai multidões de todo o país no mês de outubro, além de ser um evento religioso e cultural valendo a pena visitar.

Essa dica é para quem é católico e um ponto bem visitado pelos turistas é a famosa Basílica de Nossa Senhora de Nazaré, que é uma igreja secular e muito bom para orar e ficar em paz.

O Mangal das Garças também é outro local que merece uma visita em Belém, pois é um parque bem preservado e cheio de aves, entre elas, a conhecida garça. Algumas atrações são pagas e a vista é fora do comum.

O Museu de Arte Sacra do Pará também é um ponto turístico bastante visitado pelas pessoas e oferece um ambiente cheio de labirintos e várias esculturas entalhadas em madeira do século passado.

O Forte do Presépio também é destaque na cidade de Belém, pois é um lugar rico em cultura local e da história indígena da região.

A Praça do relógio também é um ponto turístico de Belém e apesar de ser um local comum, as pessoas ainda tiram fotos próximas ao relógio da praça, que é um monumento secular, como a própria cidade de Belém.

Por Rodrigo Souza de Jesus

Estação das Docas


São Luís, no Maranhão, possui casarões, praias, lagoa, restaurantes e museus que atraem turistas de diversos lugares.

Capital do Maranhão, São Luís tem tudo para agradar qualquer turista. Repleta de belezas e com quatro séculos de existência, foi fundada em 1612, a cidade conta com um dos maiores patrimônios históricos brasileiros. São casarões, praias, lagoa, restaurantes e museus que atraem turistas de diversos lugares.

O Centro Histórico de São Luís tem cerca de três mil imóveis que são tombados pelo estado. Com prédios, igrejas, casas, palácios e casarões, tudo torna-se um grande atrativo. Apesar da visível falta de conservação de alguns lugares, nada atrapalha a beleza de tudo.

O Teatro Arthur Azevedo é o primeiro ponto turístico recomendado, que merece uma visita de quem está na capital maranhense. Inaugurado em 1817, o teatro foi idealizado durante a era de ouro do ciclo do algodão. O prédio fica aberto para visitação das 14h às 16h, entre terça e sexta-feira. Para entrar no local é cobrado 2 reais. Tudo sobre o Teatro Arthur Azevedo pode ser consultado no site oficial (www.cultura.ma.gov.br/taa).

A Catedral de São Luís é mais um lugar que não pode passar batido e é muito próxima ao Palácio dos Leões, o qual também deve ser visitado. O Palácio dos Leões é a sede do governo do estado do Maranhão e, dependendo da agenda do governador, é possível visitar o interior do Palácio.

Pra quem gosta muito de museus, a Casa do Nhozinho é uma boa pedida. O museu dedicado à arte e à cultura popular do Maranhão é um casarão do século XIX, que tem três andares abertos a visitação do público e é gratuito. Nhozinho, o homem que deu nome ao museu, foi Antonio Bruno Pinto Nogueira, um importante artista maranhense.

Em São Luís existem mais Museus, como o Museu Histórico e Artístico do Maranhão e o Centro de Cultura Popular, ou como é chamado de Casa da Festa, que também vale a pena de se visitar. A Casa do Maranhão é o mais recente museu da cidade, e também é um ótimo ponto para quem gosta de história.

Existem outros muitos lugares que não podem deixar de estar na lista de visitação em eventuais passeios em São Luís. Belas praias, vários pontos históricos turísticos e uma Lagoa que tira o fôlego de qualquer turista.

Oportunidades para passeios é que não faltam na capital maranhense!

Por Augusto Leão

Catedral de São Luís


Entre as ruas da capital da Alemanha podemos encontrar grande parte da sua história plasmada em monumentos e lugares importantes.

Nos últimos tempos Berlim tem sido uma das cidades europeias mais visitadas por turistas do mundo todo. Entre as ruas da capital da Alemanha podemos encontrar grande parte da sua história plasmada em monumentos e lugares importantes tais como museus, praças, memoriais e outros atrativos.

Para descobrir e explorar essa capital multicultural, divertida e tensa ao mesmo tempo, vamos listar 6 pontos turísticos que não podem faltar no seu guia de viagem.

Muro de Berlim:

Já se passaram mais de 25 anos da queda do Muro que dividiu a cidade em duas partes e, ao longo do tempo, a capital alemã vem renascendo como uma grande metrópole do século XXI. O pedaço maior do Muro original se conhece como East Side Galery. Medindo 1.200 metros, o lado oriental do Muro foi pintado por artistas de 21 países e é um dos memoriais que representam os momentos de tensão no país, a Guerra Fria.

O muro foi levantado na noite de 12 de agosto de 1961 separando a Alemanha em duas partes, o lado ocidental capitalista (pertencente aos setores estadounidense, francês e britânico) e o lado oriental socialista (pertencente ao setor soviético), o que provocou a morte daqueles que tentavam cruzar a fronteira e separou inúmeras famílias. Sua queda em 9 de novembro de 1989 reunificou as Alemanhas e foi um marco na história mundial.

Checkpoint Charlie:

Outro ponto histórico, ainda guarda uma réplica do cartel que avisada a saída e entrada do setor norteamericano ou do setor soviético. Era a fronteira entre os dois mundos separados pelo Muro e onde se encontra hoje um museu dedicado aos que tentaram escapar e ultrapassar a fronteira. O Checkpoint Charlie foi cenário de filmes e há quem goste de guardar fotos como lembrança com os soldados figurantes que se encontram em frente ao cartel.

Museu do Holocausto:

A alguns metros da Porta de Brandeburgo, a mais antiga porta de entrada à capital se encontra o Memorial do Holocausto. Nenhum monumento na Alemanha provocou tantas sensações como este conjunto de 2.711 blocos de concreto de alturas diferentes. Está localizado nos terrenos da antiga sede do governo de Hitler uma superficie de 20.000 metros quadrados e obra do arquiteto americano e judeu Peter Eisenman. O Memorial simula um cemitério em memória das seis milhões de vítimas do nazismo na II Guerra Mundial e foi inaugurado em maio de 2005.

Ilha dos museus:

É um complexo situado no rio Spree, distrito de Mitte, está conformado por cinco museus que propõem aos visitantes pequenas e grandes histórias: Museu Pergamon, Museu Atles, Museu Bode, Museu Neues e Alte Nationalgalerie. A Ilha é patrimônio mundial da UNESCO pelo seu conjunto arquitetônico e cultural únicos no mundo.

Praça Gendarmenmarkt:

Para os berlinenses a praça é um dos cenários públicos mais lindos da Alemanha. Duas catedrais compratlilham o espaço da praça que foi construída m 1688 e restaurada após os danos causados pela II Guerra Mundial. A Igreja Francesa protestante de Friedrichstadt foi edificada entre 1701 e 1705 e sua torre inaugurada em 1786. A Catedral alemã que fica em frente à Catedral francesa também foi edificada em 1701 e terminada em 1708, foi restaurada inumeras vezes devido aos danos da guerra e funciona hoje como um museu.

Ao redor da praça se concentram vários restaurantes, lojas e hotéis.

Potsdamer Platz:

Uma das praças mais movimentadas de Berlim já foi arrasada durante a II Guerra Mundial e partida em dois pelo Muro. Hoje em dia, completamente reformada voltou a brilhar com o mesmo esplendor que tinha antes de ser destruída.
Vários arquitetos, após a queda do Muro, utilizaram a área desta praça para construir uma série de edificios que representassem a nova Berlim unificada e moderna. O Sony Center se caracteriza por sua enorme cúpula de cristal e aço iluminada com luzes que vão mudando de cor e, subindo a Torre Kollhoff é possível ter uma das melhores vistas do centro de Berlim pelo mirante Panoramapunkt.

Também é possível fazer passeios de bicicleta organizados por grupos de excursões e desfrutar da extensa oferta de restaurantes com culinária local e internacional.

Mesmo que seu passado trágico apareça demarcado nas ruas, a cidade hoje é um espaço de multiplas culturas com seus encantos históricos e oferece variedade para todo tipo de gosto.

Por Ana Luiza Suficiel


Portugal possui diversos pontos turísticos que encantam pela beleza e história.

Situado no sudoeste da Europa, Portugal, oficialmente República Portuguesa, conta com quase 11 milhões de habitantes. É um país, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica, que tem o euro como a moeda principal e os mais diversos pontos turísticos a oferecer aos seus turistas, que na maioria são os brasileiros.

A grande quantidade de canarinhos no local pode até assustar, mas não é por acaso. Anos atrás, Brasil e Portugal fizeram uma aliança que garante alguns direitos ao turista brasileiro. Por essa razão, a nação portuguesa é dominada pelo povo tupiniquim. Com a chegada de fim de ano, novamente Lisboa receberá mais brasileiros.

Principais pontos turísticos:

Em busca de conhecer os pontos turísticos e culturais da região, os brasileiros, antes de qualquer coisa, fazem uma busca para identificar os melhores. Por isso, resolvemos enumerar os principais pontos turísticos de Portugal.

1. Oceanário de Lisboa

Por ser o maior da Europa, o oceanário de Lisboa é um dos preferidos, quando se trata de turismo em Portugal. O ambiente, que proporciona uma experiência inesquecível, conta com mais de 16 mil animais de 450 espécies diferentes.

2. Mosteiro dos Jerônimos

Considerado como um patrimônio da humanidade, o mosteiro dos Jerônimos, concluído em 1601, possui uma arquitetura com elementos do período renascentista e sua simbologia naturalista. A obra impressionante, que demorou cem anos para ficar pronta, carrega muita história e, atualmente, substitui a igreja de Santa Maria.

3. Castelo de São Jorge

A edificação possui cerca de 6 mil metros quadrados e, nos dias atuais, é um lugar de moradia para várias famílias. Quem passa pelo castelo de São Jorge tem a sua frente praças, torres, guardas e até um fosso. Quando a curiosidade fala mais alto, o turista pode subir às torres, caminhar pelas plataformas e analisar as paisagens espetaculares da construção.

4. Torre de Belém

São Vicente, o santo padroeiro da cidade, é o homenageado nesse ponto turístico. Com o passar dos anos, chegaram as modernas e eficazes construções e a torre acabou ficando para trás. Com isso, a Torre de Belém, que é considerada Patrimônio Cultural de Toda a Humanidade, hoje desempenha a função de Farol.

5. Praça dos Restauradores

Um dos lugares mais visitados da cidade, a Praça dos Restauradores, localizada próximo a Avenida da Liberdade oferece paisagens espetaculares. Entre elas, o turista pode observar o Hotel Orion Éden, que até hoje conserva a fachada original. Para quem não sabe, o hotel está situado no lugar de um antigo teatro.

Engana-se quem pensa que só há essa construção para admirar. Além da arquitetura da praça, que representa a independência de Portugal em 1640, o local proporciona prédios interessantes, como é o caso do Palácio da Foz. Além dele, a Avenida Palace Hotel e o Coreto também estão presentes para serem contemplados.

Por Fábio Santos


As pessoas que gostam de viajar se interessam por vários aspectos da cidade onde estão visitando.

Você deve conhecer pessoas que não apenas gostam, mas amam viajar e conhecer outros lugares, culturas e histórias. Mas e qual o motivo de existirem pessoas que não se prendem a apenas um lugar e necessitam estar sempre em busca de algo novo? Qual o perfil das pessoas que viajam tanto?

Muitas dessas pessoas se deparam com a pergunta: Por que você gosta tanto de viajar? E as mesmas podem responder: Mas e você não gosta? A grande questão é que as pessoas são diferentes. Para alguns, a compra de um automóvel zero quilômetro pode dar o mesmo prazer para outras que fazem um risco no seu mapa mundi de viagens.

Há valores diferentes e as pessoas são distintas no momento de dar importância para esses fatos. O perfil da pessoa que ama viajar é de querer saber como é o outro lugar, seja ele uma cidade perto da sua ou outro país. Elas querem observar como são os prédios, as casas, a cultura, a arquitetura e tantos outros pontos que vão à imensidão.

Essas pessoas contam com uma vontade grande de explorar um novo ambiente, além de apresentarem certa inquietude que não as deixam felizes por muito tempo em um mesmo local.

É um perfil de quem quer aprender a história não somente por livros, mas também ao vivo nas ruas de cidades gregas, por exemplo. Essas pessoas sempre estão em busca de uma nova sensação de paz, de serem felizes e de liberdade que certos lugares podem lhe trazer.

Quando as mesmas voltam para seus lares nativos, elas podem assimilar todas as coisas boas que outra cultura lhes proporcionou e colocar em prática no dia a dia rotineiro.

Pesquisa:

Foi em 2013 que um site de encontros americano, o MySingleFriend.com, apontou em uma pesquisa que as pessoas que gostam de viajar são mais atraentes. Na enquete que foi realizada, de dez entrevistados, oito apontam que os perfis que se interessam em viagens são bons para um futuro relacionamento.

Nessa pesquisa, 89% das pessoas que foram entrevistadas acreditam que aqueles que gostam de viajar tem um perfil de aventura, 75% apontam esses viajantes com uma mente aberta, 84% dizem que são pessoas com curiosidade sobre o mundo e 68% fazem associação a cultura.


Expresso Trem da Terra será o 1º trem turístico interestadual do país que fará viagens entre o Rio de Janeiro e Minas Gerais. O projeto visa contribuir com o turismo na região, o desenvolvimento social e econômico, além de interligar os estados.

Os representantes políticos, voluntários, empresários e as autoridades de vários setores dos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro se juntaram para fazer o 1º trem turístico interestadual do país. A criação foi batizada de Expresso Trem da Terra e a previsão para iniciar a funcionar é no primeiro semestre do ano de 2016. O trem será composto de duas locomotivas, dois carros restaurantes e quatro vagões.

Os equipamentos foram doados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) e serão restaurados com ajuda da iniciativa privada.

O presidente da Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, Paulo Henrique Nascimento, disse que o projeto técnico operacional já foi protocolizado na Ferrovia Centro Atlântica e no Ministério dos Transportes.

Com o objetivo de acelerar o andamento do processo, reuniões estão sendo realizadas entre os prefeitos das oito cidades que o trem irá percorrer, os empresários, a Inventariança da Rede Ferroviária Federal, a Associação Brasileira de Preservação Ferroviária\Porto Novo, os líderes dos governos estaduais, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e o DNIT.

Conforme informado pelo Paulo Henrique, o Expresso Trem da Terra circulará entre as cidades de Sapucaia e Três Rios, situadas no Centro Sul Fluminense, e Cataguases, Leopoldina, Recreio, Chiador, Volta Grande e Além Paraíba, localizadas em Minas Gerais.

Estima-se que serão transportados 60 passageiros em cada vagão, totalizando até 240 pessoas por viagem. O preço do passeio será entre R$ 40,00 e R$ 50,00 por pessoa e a duração é de aproximadamente cinco horas. A princípio só terão viagens aos finais de semana.

O projeto visa contribuir com o turismo na região, o desenvolvimento social e econômico, além de interligar os estados.

Os turistas poderão desfrutar das cachoeiras, paisagens, hidrelétricas, lagos, fazendas, e casarões históricos durante o passeio entre a região da Zona da Mata mineira e Centro Sul fluminense.

A criação do Expresso Trem da Terra, de acordo com a Oscip Amigos do Trem, vai originar 500 empregos, tanto diretos quanto indiretos. As pessoas irão trabalhar na manutenção do trem, a bordo, nas estações e nas lojas de artesanatos.

Por Bruna Rocha Rodrigues

Expresso Trem da Terra

Foto: Divulgação


Bogotá possui um clima montanhoso agradável e atraente para os turistas.

Quem é que não tem vontade de sair pelo mundo para conhecer diversos países, não é mesmo? Hoje o destino será a cidade de Bogotá, capital da Colômbia. Antigamente esta cidade era também chamada de Santa Fé de Bogotá.

A Colômbia faz divisa com países como o Brasil, Venezuela, Equador e Peru e Panamá. É banhada pelo mar do Caribe e pelo Oceano Pacífico. Sua bandeira é composta por três cores fortes: amarelo, azul e vermelho.

Algumas companhias aéreas que realizam voos saindo do Brasil diretamente para Bogotá são, por exemplo, a Avianca, a TAM, a Lan, a Copa, entre outras. O valor da passagem saindo do aeroporto de São Paulo, um dos mais movimentados aeroportos do País, é de aproximadamente R$ 1.200,00 (esse valor é somente como referência, mas dependerá de várias circunstâncias). Claro que o preço dependerá da época que o passageiro pretende viajar. Se for alta temporada esse preço será bem mais alto, se houver promoção o valor poderá cair significativamente. Ainda, vale lembrar que o valor varia também com a alta do dólar.

O clima montanhoso de Bogotá é agradável e em quase todos os meses do ano a temperatura é por volta de 14ºC. A cidade está localizada a 2.640 metros do nível do mar e é considerada a terceira capital mais alta do mundo. Com o clima frio a gastronomia local dispõe de muito caldo, chocolate quente, café, pães e chás. Em virtude da altitude, o chá da folha de coca é muito utilizado para diminuir o mal-estar causado.

Um ponto turístico conhecido na cidade é o bairro da Candelaria, situado no centro histórico. As casas, igrejas e escolas construídas no local têm características da época da colonização espanhola. Lá também é possível encontrar diversas bibliotecas, afinal a cidade já foi a Capital Mundial do Livro, bares, museus, livrarias, além da Plaza de Bolívar onde está instalada a sede do governo e o Palácio da Justiça.

Outro lugar imperdível é o ponto mais alto da cidade, o Cerro Monserrate. É possível ter acesso a esse mirante por meio de funicular e a vista é simplesmente deslumbrante.

Por Paula Barretto Guerra

Cerro Monserrate

Foto: Divulgação


As empresas de cruzeiros marítimos congelaram o dólar e oferecem outros benefícios visando atrair mais clientes.

O cenário não está dos melhores para quem deseja fazer viagens ou cruzeiros não é mesmo? Com a alta da inflação e a cotação do dólar nas alturas, muitas pessoas acabam deixando para depois aquela viagem planejada. As empresas de cruzeiros perceberam essa tendência e estão sofrendo as perdas desses clientes.

Para frear a queda no consumo, as empresas de cruzeiros resolveram congelar o câmbio do dólar a R$ 2,69 como forma de atrair mais clientes.

A Royal Caribbean, por exemplo, está oferecendo cruzeiros nacionais em seu navio Rhapsody of the Seas com a tarifa congelada de R$ 2,69 para o dólar. A promoção só será válida para cruzeiros que durem de três a oito noites e que sejam comprados durante o mês de outubro deste ano. O período de viagens deve ser de 5 de dezembro até 7 de fevereiro do próximo ano.

Entre as opções de lugares a se viajar estão Búzios, no Rio de Janeiro, ou Ilhabela, em São Paulo.

Há também outros benefícios que a empresa oferece para seus clientes, como a gratuidade para o terceiro e o quarto hóspedes. O pacote também pode ser parcelado em até 12 vezes sem acréscimo de juros e os clientes ganham créditos para gastar durante a viagem. Os valores médios dos créditos podem variar entre 50 a 600 dólares, variando de acordo com a categoria da cabine do pacote escolhido.

A MSC Cruzeiros também está vendendo seus pacotes com dólar congelado. O valor do câmbio na empresa está a R$ 2,99. Segundo a empresa o valor vale para a compra antecipada não só de cruzeiros, mas também de serviço de bordo dos navios. A empresa reforça, no entanto, que as bebidas não estão incluídas no preço do pacote e devem ser pagas à parte.

Os especialistas alertam que as ofertas são interessantes para o bolso, já que evitam que o cliente perca o controle de suas despesas pela variação constante do dólar. Segundo eles, o preço do dólar congelado dá aos clientes a possibilidade de se programarem melhor. Mas é preciso ter atenção para os gastos extras, para que estes não sejam uma surpresa ao final da viagem. Estes gastos não seguem a cotação do dólar congelado, mas sim a cotação do dia, determinada pela própria empresa de viagem.

Por Patrícia Generoso

Cruzeiro marítimo


FIT 2016 ganhou o apoio do Governo do Estado do Mato Grosso e irá acontecer em 20 e 24 de abril de 2016. Evento visa reunir operadores do segmento e o público em geral.

A Feira Internacional de Turismo (FIT), que tem data marcada para acontecer em 20 e 24 de abril de 2016, ganhou na última quinta-feira (17) o apoio do Governo do Estado do Mato Grosso.  O primeiro lançamento da feira já acontece nesta semana, dia 24, no parque Anhembi, em São Paulo e depois, no dia 1º de outubro, haverá o lançamento em Cuiabá.

Os lançamentos têm o objetivo de colocar a Feira Internacional de Turismo no circuito internacional de turismo de negócios, pois entrar para esse calendário, trará inúmeras vantagens para o turismo do Estado, pois além de projetar novos roteiros, fomenta operadores do país e de fora e consolida o espaço da feira como comércio de produtos e serviços relacionados ao turismo da região central do Brasil e também da América do Sul.

Além disso, há o fortalecimento dos negócios locais, como os pequenos empresários que trabalham com destinos turísticos na região e a gastronomia, que ganhará mais valorização.

Sobre a FIT:

A feira internacional sediará espaço para exposições, palestras, discussões, apresentações culturais e muitas  oportunidades para quem trabalha no segmento de turismo, hospitalidade e gastronomia. Destaque para o turismo de experiência, o de negócios e o tecnológico, que apareceu de uma necessidade de se conhecer os investimentos no estado em uma área em crescimento: o agronegócio.

Com o tema "Turismo e Globalização", a FIT 2016 foca tanto nos operadores do segmento quanto no público em geral. Entre os países que participarão do evento estão Peru, Chile, Venezuela, Bolívia, Paraguai,  Colômbia e Equador. Espera-se reunir cerca de 200 operadores, além de hotéis e pousadas.

A FIT tem como parceira a ABAV – Associação Brasileira das Agências de Viagem e é realizada pelo trade turístico do Mato Grosso e por meio  do Sindetur – Sindicato das Empresas de Turismo de Mato Grosso. O evento acontecerá na data já citada acima, no Centro de Eventos do Pantanal.

Por Elia Macedo


CVC adquiriu a Submarino Viagens por R$ 80 milhões e continua sendo a maior agência de turismo do Brasil.

Duas empresas consideradas como as maiores do segmento de viagens, seja nacional ou internacional, agora se uniram, deram as mãos, para alcançar ainda mais um nicho que só tende a crescer nos últimos tempos: o de viagens. A Submarino e a CVC passaram, agora, a ser uma empresa só. O valor da compra da Submarino pela CVC custou um teto máximo de R$ 80 milhões, o que até aqui levou a transação a ser uma das maiores em níveis econômicos no Brasil realizada durante 2015 por muitos especialistas.   

A informação de que a CVC teve a aquisição da B2W Turismo, mantenedora da Submarino Viagens colocou fim a todos os tipos de especulação no mercado financeiro sobre o assunto. O negócio teve se ser aprovado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), que atua de forma a evitar fraudes tributárias no processo da aquisição.  

O teto para a aquisição da Submarino Viagens foi de R$ 80 milhões, um valor bem expressivo para uma empresa que atua genuinamente pela internet, que pelos meios digitais conquistou uma boa carteira de clientes a ponto de atrair o olhar da CVC para comprá-la.  

Apesar da união entre uma empresa física, como a CVC, com uma empresa online, como a Submarino, tudo indica que a lógica administrativa não passará por mudanças tão profundas, já que o diretor de negócios da CVC, Luciano Barreto, seguirá no cargo – algo que ficou estabelecido na firmação do contrato.  

Há tempos, a CVC já tinha demonstrado interesse pela Submarino, que já faturava em 2012 cerca de R$ 5 milhões (desde então a empresa parou de comunicar quanto obtinha de lucro anual). Já a CVC fechou 2014 com um lucro de R$ 145,7 milhões, colocando-a entre as maiores do setor de turismo no Brasil.  

Foi em maio de 2015 que a aquisição foi feita, porém, a oficialização da negociação só pode ser mesmo comunicada agora em setembro, com a total aprovação do CADE.

Com essa fusão, a CVC ganha ainda mais aparato econômico para continuar sendo a maior agência de turismo do Brasil e com tudo para se destacar entre as maiores do mundo.                 

Por Michelle de Oliveira

CVC e Submarino Viagens


A maior preocupação dos brasileiros em viagens ao exterior é com a saúde. O maior gasto com as coberturas de viagem fica por conta da assistência médica, chegando a um índice de 81% dos chamados efetuados pelos clientes para o seguro.

Embora preocupações importantes como transbordos locais, língua e câmbio da moeda, passem pela cabeça do brasileiro na hora de fazer uma viagem para o exterior, com certeza a maior das preocupações é a saúde.

E a preocupação é um motivo real: segundo um levantamento feiro pela companhia Mapfre Assistance entre seus clientes, o maior gasto com as coberturas de viagem fica por conta da assistência médica, chegando a um índice de 81% dos chamados efetuados pelos clientes para o seguro. A pesquisa foi realizada no período entre janeiro de 2015 e maio deste ano.

Logo após aparecem as assistências odontológicas (só 6,5% dos chamados) e a compensação por retenção de bagagens e objetos pessoais pelas empresas aéreas (5,36%).  Dentre os destinos de viagem, as chamadas vêm com maior frequência de países como Estados Unidos (49,37%), seguido de Espanha (6,04%) e depois por Portugal (4,05%).

As principais causas dos atendimentos médicos são as doenças, que são responsáveis por 60% das chamadas, principalmente gastroenterite (talvez a mudança do cardápio pode não ser tão sútil para algumas pessoas).

É importante escolher um bom pacote de viagem, que tenha o seguro com assistência médica incluída. Ninguém quer pensar nas fatalidades que podem acontecer, mas é sempre bom se prevenir contra elas, já que você estará em um país estranho e em algumas vezes com a moeda bem mais valorizada que o real. É importante também ter uma reserva extra, já que algumas vezes o seguro pode não cobrir certos procedimentos.

Todo cuidado é pouco quando atravessamos a fronteira do nosso país. Como estaremos fora de nosso território, qualquer item não planejado pode transformar a viagem dos seus sonhos facilmente em um pesadelo. Portanto, pesquise as opções de cobertura médica antes de fechar seu pacote de viagem. Saúde é um item que não se deve economizar, para que o famoso ditado “o barato sai caro” não se realize.

Por Patrícia Generoso

Viagem


No mês de julho deste ano, o Parque Nacional do Iguaçu registrou alta de 29% nas visitações, com 175.638 visitantes. Número foi o maior obtido desde quando o movimento começou a ser registrado, em 1980.

O Parque Nacional do Iguaçu recebe esse nome em referência ao Rio Iguaçu, e fica localizado no oeste do estado do Paraná. O Parque foi criado no ano de 1939 e é um exemplo de integração entre o uso sustentável dos recursos da natureza e a sua conservação.

O Parque protege uma importante área de riquíssima biodiversidade, que abriga espécies que representam a fauna e a flora brasileiras, algumas até mesmo ameaçadas de extinção. Lá encontram-se espécies de animais como o  Puma, o Jacaré-de-papo-amarelo, o Gavião Real, o Papagaio-de-peito-roxo, a Onça pintada e espécies de árvores como Peroba Rosa, a Araucária e tantas outras de enorme valor científico.

Com tantas essas belezas naturais, o parque vem recebendo cada vez mais visitações e em julho deste ano registrou sua maior visitação desde que o movimento começou a ser registrado, no ano de 1980.

Foram 175.638 pessoas visitando o parque somente nesse mês. Em relação ao mesmo período do ano passado, houve um crescimento de 29% da visitação. Dentre os principais responsáveis pelo aumento das visitas estão os próprios brasileiros e os vizinhos do Mercosul (Paraguai, Uruguai, Argentina e Venezuela).

Os visitantes brasileiros foram responsáveis por 90.814 visitas, 22% a mais que o ano passado. Os outros países do Mercosul contabilizaram 60.819 visitações, um aumento de 96% se comparado com o número de visitantes destes países no ano passado.

Uma das maiores atrações do parque são as Cataratas do Iguaçu, que é o destino mais visitado por quem vai ao parque, quase que uma obrigatoriedade.

O sucesso do Parque também atingiu o outro lado da fronteira: o Parque Nacional do Iguazú, registrou aumento de 71% das suas visitações. Foram 173.665 visitantes passando pelas bilheterias da cidade vizinha. No ano passado foram registrados 101.608 visitantes. No parque há um total de 74% de turistas argentinos, 14% do grupo do Mercosul e 12% de outras partes do mundo.

Por Patrícia Generoso

Parque Nacional do Iguaçu

Foto: Divulgação


Cratera foi resultado de um erro feito por geólogos há mais de 40 anos, transformando o incidente em atração turística e revertendo renda para o Turcomenistão.

Uma atração nada convencional vem atraindo a atenção dos turistas no Turcomenistão, país que se localiza na Ásia Central. Uma cratera com cerca de 60 metros de diâmetro e 20 de profundidade, que fica localizado na vila de Derweze, vem atraindo cada vez mais turistas para o deserto de Karakum.

O fenômeno, ao contrário do que muitos podem acreditar, não é obra da natureza: foi resultado de uma perfuração feita por geólogos, na região, no ano de 1971, à procura de gás.

As experiências científicas desse tipo eram bem comuns na época da Guerra Fria. No deserto de Karakum os geólogos decidiram estudar o solo, que seria rico em gás natural e petróleo. Porém, o chão sob a plataforma de perfuração, não aguentou o peso e cedeu. Os geólogos então, com medo de que o grande poço criado pudesse soltar gases venenosos e perigosos, cometeram seu grande erro, e decidiram pôr fogo na cratera, acreditando que o gás que supostamente estava pela superfície seria rapidamente consumido. O resultado, porém, foi desastroso. O fogo não parou e hoje, mais de 40 anos após o incidente, as chamas continuam acesas, demonstrando toda a imponência das vastas reservas de gás do país.

Agora, o que era para ser um erro, acabou virando atração turística e revertendo renda para o Turcomenistão. Todos os anos milhares de turistas viajam até o local para conferir de perto, o que agora chamam de “Cratera Porta para o Inferno”. A cratera é tão grande que pode ser vista de longe, principalmente se for noite, quando suas chamas se destacam ainda mais da paisagem árida do deserto.

Mas apesar dos turistas que atrai, a “Cratera Porta para o Inferno” tem sido motivo de preocupação para o governo da localidade, que teme pela saúde e segurança dos habitantes (a vila de Derweze tem cerca de 350 habitantes atualmente). Os moradores, porém, parecem não se importar com o risco e são contrários ao fechamento da cratera.

Nunca um erro humano tão grave proporcionou tanta beleza e também tanta renda para o país. O que era para ser um grande prejuízo econômico, acabou se tornando uma das maiores fontes de turismo para a localidade.

Isso é o que podemos chamar de uma atração quente!

Por Patrícia Generoso

Cratera Porta para o Inferno

Cratera Porta para o Inferno

Fotos: Divulgação


Hotel Emoya Luxury Hotel and Spa oferece uma nova área aos seus hóspedes, que são acomodações que lembram as favelas.

Quando as pessoas programam uma viagem, uma das coisas que mais preocupa é saber se vai ficar bem hospedada, se o hotel que escolheu e reservou é bom, se oferece conforto, aconchego, facilidades, uma boa alimentação, entre outras coisas. Pois, na contramão desse pensamento vem a notícia de que há um hotel de luxo na África do Sul que oferece "experiência de favela" para os seus hóspedes. Isso mesmo, afinal, há muita gente por aí que talvez esteja cansada de tanto conforto.

O referido hotel fica em Bloemfontein, África do Sul. Há vários tipos de acomodações disponíveis, mas a inovação é o que tem chamado a atenção dos hóspedes: as instalações que simulam uma favela, com banheiros ao ar livre e acesso restrito à eletricidade. Mas tem acesso à internet.

O hotel se chama Emoya Luxury Hotel and Spa e tem na sua nova área, chamada de Shanty Town, acomodações para até 52 pessoas. As acomodações são quartos feitos de placas de metal e madeira e segundo informação dada pelo hotel, há aquecimento no piso – afinal, nem tanto ao luxo nem tanto à favela. A descrição que o hotel dá para o espaço é de um lugar "ideal para trabalhos em equipe e festas temáticas", e conclui dizendo que o local é uma "experiência para a vida".

O valor das diárias começa em R$ 140,00 por pessoa.

Em alguns locais já há a prática de fazer tours por favelas – e isso sempre causa polêmica. Imagine então, a simulação de morar em uma favela. Práticas como essa e como a do Emoya, ao oferecer um local que simula um modo de vida pobre, tem incomodado parte de pessoas que acham que a pobreza na favela é mostrada como um estilo de vida e não como realmente é, uma condição social e que não tem nada de "legal". 

Lembrando ainda que isso respinga em vários lugares e representa uma grande parte da população mundial, inclusive da África do Sul, que vivem em favelas e em situação de pobreza.

Por Elia Macedo

Hotel na África oferece experiência de favela

Hotel na África oferece experiência de favela

Fotos: Divulgação


Palácio recebe turistas até o dia 27 de setembro, sendo a primeira vez que os visitantes poderão passar pela grande entrada.

A residência oficial da Rainha Elizabeth II está com as portas abertas para visitação desde o último sábado (25/07). Trata-se do Palácio de Buckingham, em Londres, no Reino Unido. Os visitantes poderão acompanhar a preparação dos banquetes e de festas nos salões do belo palácio.

O palácio abre suas portas para visitação desde 1993, mas este ano é a primeira vez que os visitantes poderão passar pela grande entrada, por onde já passaram grandes personalidades e autoridades mundiais, além dos membros da realeza, conforme informação que a curadora da Royal Collection Trust, Anna Reynolds, deu à Reuters. Na grande entrada fica a carruagem australiana que é a utilizada em cerimônias de visita de Estado. A atração principal é o visitante conhecer a forma como a monarquia britânica vive e como recebe seus convidados: reis, rainhas e chefes de estado.

Há uma exposição, chamada "A Royal Wecome", que mostra recriações da adega, da cozinha e dos armários de roupas da realeza. Também são exibidos vestidos que a rainha Elizabeth usou para os banquetes que ofereceu no local. As visitas podem ser feitas até o dia 27 de setembro. No ano passado, cerca de 500 mil visitantes estiveram no local.

Algumas curiosidades sobre o Palácio de Buckingham:

  • O palácio tem nada menos que 775 cômodos – sendo 19 salas de estado, 92 escritórios, 188 quartos de funcionários, 52 quartos para a realeza e para os convidados e 78 banheiros (certamente deve haver um mapa para que as pessoas não se percam por lá – em tempos atuais, deve haver GPS);
  • O palácio tem 1.514 portas e 760 janelas;
  • No palácio há piscina, capela, cafeteria, enfermaria, agência dos correios e cinema; 
  • O palácio possui jardins que cobrem mais de 16 hectares de terra. Nesse espaço há lago, quadra de tênis e heliporto, além de mais de 30 espécies de pássaros e 350 diferentes tipos de flores silvestres;
  • A rainha Elizabeth II deu à luz aos príncipes (Charles e Andrew) no palácio. Até hoje somente um membro da realeza nasceu e morreu no palácio: Edward VII.

Por Elia Macedo

Palácio de Buckingham

Foto: Divulgação


Alta do dólar faz brasileiros preferirem viajar para países da América Latina.

O aumento recente da cotação do dólar, que já ultrapassou a marca dos R$ 3,00 e agora está cotado a R$ 3,04, promete alterar destinos de viagem de quem planeja ir para o exterior. Assim, aqueles que queriam conhecer a Europa ou Estados Unidos, destinos mais populares, devem optar por conhecer países da América Latina.

Para o presidente da empresa de turismo CVC, Luiz Falco, o aumento do dólar e a consequente queda do real não significa que as despesas de viagem diminuirão e sim, que as pessoas vão preferir viajar para lugares mais próximos a ficar em casa.

Dessa forma, países da América do Sul devem entrar no circuito de viagens deste ano, como, por exemplo, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Paraguai, Peru e Uruguai.

Abaixo, listamos os pontos turísticos mais conhecidos em cada um destes países e que devem ser visitados no caso de uma viagem:

– Argentina: O país dos nossos “hermanos” possui uma infinidade de atrativos. Durante uma viagem, não deixe de conhecer a capital Buenos Aires, o bairro La Boca, o Museu de Arte Latino-Americana de Buenos Aires e o famoso Obelisco. Caso planeje viajar por todo o país, uma ótima opção é conhecer o Parque Nacional Los Glaciares, que fica na cidade de Ushuaia, fronteira com o Chile.

– Bolívia: A Bolívia é um país com atrativos peculiares. Na capital La Paz é interessante conhecer a Praça Murillo e Museu da Coca. Já no restante do país, vale conferir a Ilha de Copacaba, o Lago Titicaca e o Salar de Uyuni, o maior deserto de sal do mundo.

– Chile: A “Europa Latina”, como é conhecido o Chile, é um país que merece ser conhecido. Na capital Santiago há o Cerro San Cristóbal, Cerro Santa Lucía, Plaza de Armas, Catedral e também as inúmeras vinícolas que o país abriga. Fora da capital, a Cordilheira dos Andes deve ser conhecida, especialmente no período de inverno, em que é possível esquiar. No país, também há o Deserto do Atacama, o mais árido do mundo, e também uma das maravilhas do mundo moderno, o Parque Nacional Torres del Paine. Além disso, há inúmeros vulcões no país e é possível subir até o topo deles.

– Colômbia: A Colômbia possui inúmeros lagos, como o Guatavita, Calima eo Iguaque. Já a capital Bogotá possui ótimos pontos turísticos como o Museu do Ouro, Bolívar Square e a Catedral Principal de Bogotá. Além disso, há a famosa praia San Andrés e o Parque Nacional Los Katios.

– Paraguai: O principal destino para quem gostar de fazer compras a baixo custo, o Paraguai é um centro turístico. Além da capital Assunção que possui o Panteão Nacional dos Heróis, o Museu Nacional de Belas Artes, e a Usina Hidrelétrica Itaipu, o país possui outros locais que merecem ser conhecidos como Saltos del Monday, Cerro Cora National Park e o Parque Nacional Defensores del Chaco.

– Peru: Além da gastronomia peruana ser considerada uma das melhores do mundo, o Peru possui ótimos atrativos, como a capital Lima com a Praça Maior de Lima e o Centro Histórico da cidade. Ainda, há Machu Picchu e o Vale Sagrado dos Incas, na cidade de Cusco. O país também possui belas praias e vilarejos que contam a história dos incas, povo que colonizou a região.

– Uruguai: o Uruguai é um excelente lugar para se conhecer. Na capital Montevidéo vale visitar a praia Pocitos, a Praça Independência, o Palácio Salvo e a Catedral Metropolitana da cidade. No restante do país é válido conhecer as praias Punta del Este e Punta del Diablo, além da Colônia do Sacramento.

Por Andréa Corneli Ortis

Turismo no Chile

Chile

Foto: Divulgação


Cidade bateu recorde em 2014 recebendo mais de 62 milhões de turistas

Orlando continua sendo um dos destinos mais preferidos dos turistas de todo o mundo. Em 2014 a cidade da Flórida bateu novo recorde, recebendo mais de 62 milhões de turistas, um aumento de 5% em relação ao ano anterior.

De acordo com o Visit Orlando, o órgão oficial do turismo na Flórida, o número de turistas no ano passado bateu um novo recorde, porém, não foi informado o número de brasileiros que visitaram a cidade em 2014.

Orlando é um dos locais favoritos dos brasileiros que viajam para o exterior, seja para fazer compras ou para se divertirem nos vários parques temáticos, que são uma das principais atrações da cidade.

O número de diárias vendidas nos hotéis de Orlando, em 2014, superou os 32 milhões, batendo assim um novo recorde e gerando uma arrecadação de impostos acima de US$ 200 milhões.

A Walt Disney World Resort, uma das maiores empresas de entretenimento da cidade investiu em novas áreas para seus parques, frente à crescente demanda, assim como a Universal Orlando Resort, outra grande empresa do setor que inaugurou a Wizarding World of Harry Potter – Diagon Alley, no intuito de atrair um número ainda maior de turistas.

Quem visitar Orlando este ano já poderá experimentar os novos parques e muitas outras novidades, entre elas o I-Drive 360 que oferece um trio de atrações.

E além de muita diversão, Orlando vem expandindo seus negócios para a área da gastronomia, hoje já é possível encontrar sofisticados restaurantes e uma culinária local excelente. Quem pode gastar um pouco mais, experimenta o serviço do Four Seasons Resort Orlando, um serviço recém-inaugurado assim como o Ritz-Carrlton Orlando e Waldorf Astoria Orlando.

E não para por aí! Orlando está abrindo espaços para os apreciadores de artes e tem ainda os torneios esportivos profissionais que vão se tornando mais conhecidos e atraindo um público cada vez maior. O estádio da Major League Soccer deverá ser inaugurado ano que vem, na região de Downtown Orlando e será mais um local que receberá visitantes de todo o mundo.

Para este ano, Orlando tem expectativa de bater um novo recorde em número de turistas, ainda mais com as novas atrações que estão sendo inauguradas!

Por Russel

Orlando

Foto: Divulgação


Pesquisa revelou os melhores locais para viajar em 2015

Com a alta do dólar em 2015, muitos acreditam não valer a pena viajar neste ano. No entanto, nem por isso, torna-se menos propício conhecer outras paragens, seja em território nacional ou internacional.  Assim, um questionamento surge para os viajantes de plantão: é melhor viajar para a Europa do que para os Estados Unidos com essa alta exorbitante da moeda americana?

Acredite se quiser, mas, viajar para os Estados Unidos ainda é mais barato do que para o Velho Continente. Isso porque, o euro é mais caro que o dólar, o que torna mais vantajoso viajar para a terra do Tio Sam.

No entanto, moedas à parte, o que vale mesmo é viajar, independente do lugar. Por isso, listamos abaixo os dez melhores destinos para desfrutar a tão esperada férias, eleitos pelos viajantes do Trip Advisor na pesquisa Traveler’s Choice 2015.

Marrakech, Marrocos – A cidade árabe é o melhor lugar para se conhecer, de acordo com uma enquete realizada pelo site Trip Advisor.  Na liderança do ranking, os viajantes destacam os principais pontos turísticos que devem ser visitados, como Maison de la Photographie, Jardins de Menara e a Praça Jemaa El Fna, que é considerada Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco.

Siem Reap, Camboja – Nesta cidade é possível comer bem e relaxar sem preocupações. Durante uma visita, vale conhecer os templos Angkor Wat e Bayon, além do Parque Arqueológico de Angkor.

Istambul, Turquia – A capital da Turquia é dotada de inúmeros atrativos e, entre eles, estão a Mesquita de Solimão, Santa Sofia, a Igreja de São Salvador em Chora e o Distrito de Sultanahmet.

Hanói, Vietnã – De acordo com os viajantes do Trip Advisor, Hanói é uma cidade que respira cultura e história. Assim, se tiver a oportunidade de conhecer a capital vietnamita, não deixe de visitar o distrito de Old Quarter, Mausoléu de Ho Chi Minh, Museu das Mulheres do Vietnã e, também, o Museu de Etnologia do Vietnã.

Praga, República Tcheca – A cidade europeia não poderia ficar fora desta lista. Dentre os pontos turísticos mais atrativos estão a Praça da Cidade Velha, Orloj, Palácio Lobkowicz e a Catedral de São Vito.

Londres, Inglaterra – A Terra da Rainha é um destino procurado por milhões de viajantes. Isso porque, a história e arte presentes na capital atraem todos os tipos de turistas. Vale visitar o Parlamento Inglês, London Eye, Palácio de Buckingham e o National Gallery.

Roma, Itália – A capital da Itália é sinônimo de arte, história e beleza e, todo turista que se preze, precisa conhecer esta cidade antes de morrer. O Coliseu, Panteão, Fontana di Trevi e a Piazza Navona.

Buenos Aires, Argentina – Tango, vinho e comida gostosa não faltam na capital argentina. Vale conhecer os bairros La Boca e Palermo Soho, Plaza de Mayo, além do Museu de Arte Latino-Americana de Buenos Aires.

Paris, França – A cidade mais romântica do mundo está em todas as listas de viajantes. Arquitetura, belos jardins, queijos e vinhos são os principais atrativos da capital francesa. Não deixe de visitar o Musée d'Orsay e a Catedral de Notre Dame.

10º Cidade do Cabo, África do Sul – Paisagens de tirar o fôlego é o que atrai turistas à Cidade do Cabo. Quem tiver a oportunidade de conhecer a cidade, visite o Table Mountain National Park, Two Oceans Aquarium e as belas praias de Clifton.

A lista ainda conta com as cidades de Nova York, Zermatt, Barcelona, Göreme, Ubud, Cusco, São Petesburgo, Bangcoc, Catmandu, Atenas, Budapeste, Queenstown, Hong Kong, Dubai e Sydney.

Por Andréa Corneli Ortis

Marrakech

Foto: Divulgação


Grande parte na Região Central é ocupada pelo Pantanal, esta planície alagada está presente nos estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso. Além da extensão em terras brasileiras, o Pantanal também existe no Paraguai, Bolívia e Argentina, nesses países a maior planície alagada da terra se chama Chaco.

As mudanças drásticas na paisagem do Pantanal são decorrentes da variação entre períodos de seca e humidade (a água divide o clima em dois períodos bem diferentes), todas estas alterações de uma estação para outra faz da planície um local único e que cada vez mais está atraindo turistas de vários lugares do país e do mundo. No Pantanal, o ecoturismo é uma das grandes atrações.

É nesta planície pluvial que se desenvolve uma grande quantidade de espécies da flora e da fauna, a abundância de ambos é resultado da influência dos biomas da Mata Atlântica, Chaco, Cerrado e Amazônia. No Pantanal são encontradas mais espécies de aves do que na América do Sul e mais tipos de peixe do que na Europa. O cenário formado entre os mais diversos componentes da flora e da fauna junto às variações do clima é um dos mais belos da terra. 

Desbravar o Pantanal por meio de trilhas é um desafio que a maior parte dos turistas, principalmente os estrangeiros, procura encarar assim que chega nesse paraíso natural. Outras atividades que são muito atraentes para os visitantes são safaris fotográficos, ecoturismo e pesca esportiva. Alguns dos passeios mais realizados no Pantanal são cavalgada, caminhada, observação de animais, passeio de barco, manejo do gado, entre outros.

Para alojar o grande número de visitantes, foram construídos muitos hotéis e pousadas que alojam os turistas com muito conforto e hospitalidade. Há muitas hospedagens, algumas dessas são Pousada do Agupé, Refúgio Ecológico Calman, Pousada Refugio da Ilha, Recanto Barra Mansa, Pousada Monteiros, Pousada Xaraés Ecoturismo, Fazenda São Francisco.

Geralmente, as hospedagens da região oferecem serviço de alimentação, guia turístico, passeios, transfer entre o aeroporto e a pousada/hotel. O preço da estadia na alta temporada (julho a setembro) é bem mais elevado, pois nessa época muitos turistas buscam conhecer as belezas do Pantanal.

Por Melina Menezes

Pantanal


Andar de bicicleta é um ótimo passeio e ainda contribui para que o ciclista tenha uma saúde melhor. Desta forma, os roteiros turísticos para ciclistas são as principais atrações no Litoral Norte de Alagoas. A proposta reúne vários passeios, os quais o turista pode passar por circuitos feitos também por idosos e crianças.

Entre as principais características do passeio está o fato de poder explorar praias e reservas naturais de mata atlântica, desfrutando, assim, do Litoral Norte do local. O ponto de partida se dá no polo turístico do estado, a cidade de Maragogi. Em seguida, os diversos roteiros seguem trajetos preestabelecidos pelo guia, conforme o ritmo do turista.

O nome do passeio é denominado por Ecobike, uma vez que é um passeio ecológico sob duas rodas e propõe a prática do turismo aliada à atividade física, junto ao contato com a natureza. Para fazer parte e praticar as atividades não há limite de idade e o turista tem a oportunidade de conhecer lugares de forma mais livre e saudável.

Os percursos para iniciantes podem se estender até os 5 km e possuem dificuldade leve. Porém, os já experientes e até mesmo profissionais, obtêm roteiros que passam dos 25 km. Desta forma, quem define o ritmo da pedalada é o próprio turista, bem como o roteiro e o cenário que o convém.

Há passeios à beira mar, sobre trechos de areia, coqueirais, entre outros os quais se estendem até as praias de Japaratinga e Ponta do Mangue. Além do maravilhoso passeio, o roteiro oferece também paradas para banhos em praias quase desertas. Todavia, aqueles indivíduos que preferem cenários rurais, podem optar por trajetos em estrada de terra, com direito a provar cachaça destilada de alambiques artesanais e doces de frutas. É o caso da trilha Marrecas e povoado Cachoeira, locais que possuem reservas de mata atlântica e bicas de água natural.

Por Luciana Viturino


O feriado de Semana Santa é considerado o feriado mais prolongado existente no País, haja vista que encontramos a sexta-feira da Paixão juntamente com o domingo de Páscoa. Sendo assim, muitos brasileiros preferem viajar e descansar um pouco, outros optam por destinos religiosos para celebrar o feriado católico.

Cabe lembrar que é onde acontecem as principais celebrações religiosas e em alguns casos incluem encenações, missas e procissões. As principais festas iniciaram no Domingo de Ramos, com a comemoração da chegada de Jesus a Jerusalém e só terminarão no domingo de Páscoa com a ressurreição de Cristo.

Há uma estimativa de que 15 milhões de brasileiros viajam durante esta época do ano, além de gerar novos empregos e uma melhor distribuição de renda. É o que afirma o ministro do Turismo, Vinicius Lages. No entanto, alguns locais brasileiros são considerados os queridinhos pelos turistas durante esta época do ano, seja pelos espetáculos, seja pelos atrativos que as cidades oferecem.

Entre eles, os que mais se destacam são: Diamantina/MG, na qual o principal destaque é a encenação que ocorre na Sexta-feira da Paixão, com guardiões romanos e certa de 300 participantes reproduzem a Via Sacra. O Domingo de Páscoa também oferece alguns atrativos, como enfeites nas ruas e janelas da cidade.

No Centro-Oeste temos a Cidade de Goiás/GO, cujo principal atrativo é a quinta-feira da Semana Santa na qual a meia-noite os postes de luz do centro histórico da cidade de apagam e surgem o som de tambores e a luz das tochas com início à Procissão do Fogaréu.

No nordeste, a principal atração é reservada para a cidade de Nova Jerusalém, distrito de Fazenda Nova/PE, na qual vários atores encenam a Paixão de Cristo. Esse é o evento que tem mais turistas nesta época e o cenário do teatro é a céu aberto, o que reúne nove palcos monumentais. Só o elenco é composto por 500 participantes. 

Por Luciana Viturino


Segundo dados da OMT – Organização Mundial do Turismo, o turismo de natureza é o que mais cresce, com aumento de 15% e 25% ao ano, superando o turismo de negócios e de praia. Buscando atender um nicho que cresce cada vez mais, os Ministérios do Turismo e Ministério do Meio Ambiente estão investindo R$ 10,4 milhões em parques nacionais.

Ao todo são 16 unidades de conservação que recebem o investimento para a melhoria da infraestrutura, principalmente no acesso, visando aumentar o número de visitantes. Fatores como acesso, sinalização e publicidade também serão enfatizados.

A diversidade na natureza torna o Brasil um dos mais procurados por sua beleza, o que torna o primeiro colocado levando em consideração os atrativos naturais, segundo o Fórum Econômico Mundial. Os parques nacionais representam um grande apelo para os visitantes de outros países, tornando-os um grande atrativo.

Os eventos que serão realizados: a Copa do Mundo de Futebol e as Olimpíadas de 2016 serão ótimas oportunidades para promover os parques para os turistas estrangeiros.

Foram produzidos oito curtas-metragem para mostrar os investimentos feitos pelo Ministério do Turismo. A campanha “Turismo em Cena” tem o objetivo de informar sobre os programas exercidos por intermédio de Cultura, que beneficia não somente os parques nacionais, como cidades históricas e o turismo como um todo.

O Parque Nacional da Serra dos Órgãos, no Rio de Janeiro, será um dos beneficiados, com investimentos de R$ 230 mil, destinados a obras no sistema de esgoto, sinalização e implementação de passarelas para os visitantes.

O parque, criado em 1939 é um dos mais antigos do país e possui uma diversidade de fauna e flora surpreendentes, com fontes de água limpa, cachoeiras, trilhas em uma região de Mata Atlântica, na serra. É no parque onde está o Dedo de Deus, famoso pico de mais de 1.600 metros de altitude.

Por Robson Quirino de Moraes


O brasileiro sempre gostou de viajar. E, de acordo com novas pesquisas sobre esse cenário, a região Sul acaba de ultrapassar a região Sudeste no que diz respeito aos destinos preferidos do turista nacional. A pesquisa, que foi feita pelo Ministério do Turismo em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, chegou ao veredicto de que o Nordeste ainda é o destino mais procurado com 40,1%. A região Sul, por sua vez, já aparece na segunda posição com 23,3%. No mais, no que tange aos outros cantos do país, a região Sudeste  tem 21,7%, o  Centro-Oeste 8,3% e o Norte surge com 6,6% da intenção de viajar.

Seja como for, na última pesquisa feita com o consumidor sobre viagens, vemos que um grande diferencial foi a copa do mundo e o carnaval. Porém, para a surpresa de todos, o Sul apareceu mais bem ranqueado que a região sudeste, de modo que podemos dizer que as pessoas de outras regiões estão procurando novidades em seus destinos e rotas turísticas.

Aliás, para termos uma noção sobre o perfil do turista brasileiro, o fato é que essa pesquisa, então feita em cidades como Rio de Janeiro, Salvador, Porto Alegre, Brasília, entre outras, apontou que mais de 37% das pessoas que participaram da entrevista pretendem viajar para o exterior, ou para terras brasileiras nos próximos seis meses.

De todo modo, para compreendermos esses números, outro ponto também se mostra interessante. Mais de 50% dos entrevistados querem e vão fazer suas viagens de avião. A maioria também deseja ficar em hotéis ou pousadas.

Por fim, dentro dessa perspectiva, observamos que a Região Sul está sendo mais valorizada e que seu clima diferente da maior parte das outras regiões do Brasil vem encantando cada vez mais turistas. Assim, sendo seu destino o Rio Grande do Sul, o Paraná ou Santa Catarina, o mais importante é que boas opções não vão faltar.

Por Juan Wihelm

Foto: Dalmir Pinto/RBS TV


Uma das épocas mais esperadas durante o ano todo é o final de ano, pois junto vem as férias, viagens, curtições, descansos, etc.

Para o pessoal que gosta de viajar, um dos melhores lugares que está sendo muito requisitado para altas temporadas o ano todo e principalmente final de ano é a famosa praia Porto de Galinhas, que fica na cidade de Ipojuca, no Estado de Pernambuco, pertencente à região metropolitana de Recife.

Ipojuca é uma cidade com aproximadamente 75.512 habitantes, e é conhecida mundialmente por ter as mais belas praias como Porto de Galinhas (já citada acima); Muro Alto; Cupe; Maracaípe; Serrambi e Touquinho.

Os estrangeiros que costumam visitar o Brasil, sempre acabam dando uma passada pelas praias, e uma das mais visitadas é a de Porto de Galinhas, pois é um lugar lindo, esplêndido, totalmente maravilhoso, é realmente de se encantar e impossível não querer voltar.

Mas para você que está pensando em passar a temporada de final de ano em Ipojuca para conhecer as melhores praias, é bom já se programar, pois como tem muita procura, é bom escolher o hotel antecipadamente, fazer a programação e sua reserva, pois na hora será difícil encontrar algum de sua preferência, pois está é uma época em que o número de turistas na cidade aumenta muito.

Neste ano teve um aumento nas redes de hotelaria, devido a esse aumento de turistas na cidade e cada vez a cidade está crescendo mais, pois além das maravilhosas praias, está é uma cidade encantadora, muito bonita, com vista maravilhosa e que vale muito a pena você conhecer e levar a sua família, ou até mesmo você que irá casar, pois este é um lindo lugar para passar a lua de mel, pois será inesquecível.

Então não espere mais. Comece a fazer as suas reservas imediatamente. Não perca mais tempo e aproveite.

Por Elaine de Oliveira


O governo brasileiro reforçou as relações com o indiano para o fortalecimento do setor de turismo dos dois países. O ministro do Turismo brasileiro, Gastão Vieira, e o da Índia, Subodh Kant Sahai, tiveram um encontro na quinta-feira (dia 29 de março) e discutiram estratégias para o aumento do fluxo turístico entre os países.

Além disso, a ideia dos representantes dos governos é criar uma parceria entre Brasil e Índia para que seja feito uma troca de informações e experiência entre os países. Em foco, estão os setores rural, de ecoturismo e de sol e praia.

Para Gastão Vieira, o objetivo é fortalecer o segmento para poder ampliar a geração de emprego e renda. Já Kant Sahai informou que pretende melhorar a infraestrutura indiana nos quesitos ecoturismo e de sol e praia com a troca de informações com o governo do Brasil. Os indianos, por sua vez, demonstraram interesse em contribuir para o desenvolvimento do turismo rural brasileiro.

O intercâmbio será feito através da realização de seminários e encontros que abordem o turismo, abrangendo técnicos de ambos os países.

Dados dos ministérios apontam que 18 mil indianos visitaram o Brasil em 2010. Já o número de brasileiros que foi àquele país no mesmo ano chegou a 8 mil.

Fonte: Ministério do Turismo

Por Matheus Camargo


Gramado é uma cidade tipicamente turística do nordeste do Estado do Rio Grande do Sul que atrai uma quantidade razoável de turistas anualmente, principalmente, pela beleza natural do local florido e cheio de cores.

O local tem um ar europeu com seus aconchegantes hotéis, ruas floridas, temperatura agradável, gastronomia apetitosa, além de prestação de serviços que não deixam a desejar.

A cidade possui uma infraestrutura adequada para a quantidade de turistas juntamente com suas mais de 200 casas gastronômicas que atendem a todos os paladares, mais de 10.000 leitos na rede hoteleira, mas há também oportunidades profissionais com os grandes centros de feiras e convenções da cidade reunindo mais de 35.000 m² de área útil.

Quem vai a Gramado não pode deixar de experimentar os produtos típicos da cidade como, por exemplo, chocolates caseiros e não pode, também, deixar de observar e, quem sabe, até comprar como lembrança o artesanato da região, os produtos coloniais, os móveis e as malhas.

Outra parte da cidade que não pode ser esquecida são os espetáculos como, por exemplo, o Natal Luz, evento natalino mais apreciado do Brasil, o Festival de Gramado: Cinema brasileiro e latino, evento cinematográfico de grande relevância, e A Festa da Colônia, evento que traz as origens alemãs à tona.

Por Natália Melo


Recife é realmente uma das mais lindas cidades do Brasil. Com muita história, um lindo litoral e belas paisagens esta cidade encanta qualquer turista.

A capital de Pernambuco, atraente cidade do nordeste brasileiro, ganha enorme destaque no turismo do país. Suas maravilhosas praias e dunas, além de sua riquíssima cultura e gastronomia, fazem da cidade um ponto de encontro de turistas de diversos lugares do mundo.

Um ótimo lugar para se hospedar na cidade é o hotel Mar Hotel Recife. Com boas instalações, suítes agradáveis e localizado em um bairro nobre da cidade, este hotel tem se tornado referência na região.

O Mar Hotel Recife possui ótimas opções de lazer. O hotel oferece para seus hóspedes uma boa área de refeição, piscinas (que mais lembram um parque aquático), salões de jogos, academias de ginástica e musculação, salão de beleza, sala de massagem, saunas e diversas outras atrações.

Quem pretende visitar a lindíssima cidade de Recife, pode aproveitar e se hospedar no excelente hotel Mar Hotel Recife.

Por Rodolpho Medeiros


O caminho que separa o litoral central catarinense da região serrana de Santa Catarina abrange aproximadamente 350 km, percorridos em cerca de quatro horas de carro, em que é possível desfrutar de uma das costas mais famosas do Brasil e das atrações típicas do turismo rural.

É o único lugar do planeta em que formações geográficas e climáticas tão distintas oferecem opções tão variadas de atividades num espaço tão curto.

Você pode aproveitar o  “turismo invernal”, como a comida típica em hotéis fazenda, mesmo no verão já que a temperatura na serra nunca é elevada como no litoral.

E no inverno da costa catarinense, pode-se aproveitar as praias, já que o frio não chega a ser extremo: diferente da serra, onde na mesma época, chega a nevar.

Assim, é possível usufruir as atrações de ambos num mesmo feriado!

Turismo de inverno e de verão em qualquer época de ano e economizando na locomoção!

Como destaque, seguem os sites das duas principais cidades das duas regiões: Lages (www.lages.sc.gov.br/turismo) e Balneário Camboriú (www.secturbc.com.br).

Por Emerson Del Sent


Turismo de inverno definitivamente não se resume apenas a serra gaúcha, mesmo sendo o principal destino dos brasileiros na estação mais fria do ano, há belos roteiros também em outras regiões, como a Serra do Cipó, em Minas Gerais.

A cidade atualmente é um dos principais destinos de Minas, oferecendo aos seus visitantes uma gama enorme de atrações entre as belas paisagens do Parque Nacional da Serra do Cipó (para realizar ecoturismo), as montanhas, trilhas e cachoeiras (para o turismo de aventura), além de uma gastronomia regional de dar água na boca.

Para os aventureiros, o ideal é fazer pacotes de aventura, incluindo diversos passeios e esportes radicais. Mas a cidade também é ótima para quem busca sossego e tranquilidade com a agradável temperatura anual de 17 graus. Serra do Cipó possui também excelentes restaurantes e uma boa infraestrutura de hospedagem, como a Pousada Eco Bamboo e a Fazenda Monjolos, ambas localizadas em meio a muito verde, oferecendo conforto e tranquilidade aos hóspedes.

Por Juliete Lunkes


Com pouco mais de seis mil habitantes, Cambará do Sul, na serra gaúcha, acaba sendo ofuscada pelos destinos turísticos certeiros da região, como Gramado e Canela, mas alguns detalhes provam que a cidade pode, sim, ser um ótimo destino para viagens de inverno.

Cambará do Sul possui paisagens impressionantes, que, dependendo da intensidade do inverno, pode ficar ainda mais bela com a geada e a neblina que cercam os cânions e cachoeiras. A cidade faz divisa com São José dos Ausentes, considerada uma das cidades mais frias do país.

Apesar de pequena, Cambará do Sul possui uma excelente infraestrutura para atender turistas. São vários restaurantes ótimos, e excelentes hotéis e pousadas, como a Estalagem da Colina e o Parador Casa da Montanha, que além de oferecerem quartos super equipados, ainda ficam localizados em meio a natureza, dispondo de várias atividades para os hóspedes. 

Por Juliete Lunkes


Localizada no Sul da Bahia, a Costa do Dendê é cheia de lugares paradisíacos e restaurantes dedicados à alta gastronomia. Lá está a Pousada de Taipú de Fora, que une receitas típicas e muita tranquilidade em uma região com praias de tirar o fôlego.

O chef mineiro Ricardo Curió, é o responsável pelo restaurante da pousada e traz novidades entre os pratos servidos pela casa, como o Camarão Taipú, elaborado com arroz de coco, queijo pachát e camarão empanado; o dendê também está presente em suas criações, assim é optar pelo Catado de Siri ou a Muqueca; além das especialidades do local: Lagosta grelhada com manteiga à provençal e o Filé de linguado com creme de limão, tomilho e legumes.

A carta de vinhos também teve modificações e, agora traz uma seleção de champagnes.

Os hóspedes da pousada têm diversas opções de entretenimento, além de provar a gastronomia local, como mergulho nas proximidades dos recifes, visitar as piscinas naturais de águas cristalinas quando a maré estiver baixa, fazer trilhas ecológicas para conhecer as cachoeiras e a fauna da região.

A pousada conta com 24 suítes com diárias a partir de R$ 140 por pessoa em quarto duplo, sem as taxas. O café da manhã está incluído. Outras informações podem ser obtidas pelo site www.taipudefora.com.br ou pelo telefone (73) 3255.2276.

Por Danielle Vieira


A Semana Santa pode ser aproveitada com bastante conforto, sossego, charme e diversão no Vila Naiá Hotel, localizado na praia de Corumbau, na Bahia. O pacote para quatro noites traz programação integral de gastronomia e um mimo para a garotada: ovo de páscoa da chef patissiere Pati Piva. Os valores de hospedagem para o casal estão a partir de R$ 4.860 com transfer por Porto Seguro a parte.

O hotel oferece tendas na praia e na piscina e trilhas pela Mata Atlântica para conhecer a fauna e flora local. Também possui uma gastronomia forte, com uso de ingredientes orgânicos e locais; com cardápio contemporâneo, apresenta uma variedade de peixes frescos, pães feitos no próprio lugar e adega com rótulos de diversas regiões do globo.

A viagem por terra para se chegar no Vila Naiá tem duração de 3h30 e contorna o Monte Pascoal; também há opções de transfer por avião ou helicóptero através da cidade de Porto Seguro.

Informações sobre hospedagem e reservas pelo site www.vilanaia.com.br ou pelo telefone (11) 3063-2023.

Por Danielle Vieira


Uma ilha cuja extensão é de 30 quilômetros, possui uma costa litorânea com praias intocadas e areias brancas, é considerada a mais belas de todas. Esse lugar paradisíaco é Aruba.

Aruba possui um clima de verão o ano todo; os meses de janeiro, fevereiro e março são de alta temporada, a ilha fica mais tranquila entre abril e setembro.

Além das praias, Aruba também oferece outros atrativos, como as cavernas Andicuri e Dos Palya, o antigo farol Califórnia, as ruínas de ouro em Bushiribana e Balashi, o Parque Nacional Arikok, a Fazenda de Avestruzes, Santuário dos Burros (uma associação que cuida dos burros que foram meio de transporte), Santuário de Pássaros Bubali, Museo de Ferromodelismo, Museo Histórico, Museo Numismático (exibe as primeiras moedas de Aruba), entre outros.

Além da parte histórica, para quem gosta de esportes aquáticos, a ilha está repleta de atividades: pesca em águas profundas, caiaque, sea trek, mergulho, submarino atlantis (são 2 horas a bordo de um submarino) e  windsurf.

Dicas de onde se hospedar:

– Amsterdam Manor Beach Resort : www.amsterdammanor.com;

– Aruba Marriot Resort & Stellaris Casino: www.marriott.com.br;

– Boardwalk Boutique Hotel Aruba: www.arubaboardwalk.com;

– Brickell Baú Hotel: www.brickellbayaruba.com;

– Bucuti Beach resort: www.bucuti.com;

– Divi Aruba Phoenix Beach Resort: www.diviphoenix.com.

Por Viviane Lima


Se você procura um lugar exótico, quer aprender uma cultura diferente e fica fascinado com histórias antigas, a China é o local ideal, com uma cultura que é o oposto da nossa!

Mas antes você deve saber algumas coisinhas para embarcar nessa aventura histórica. Uma delas é de conhecimento geral, que a China não é “ali na esquina”, os voos são demorados e cansativos. Pelos Estados Unidos e pela Europa a viagem fica um pouco mais rápida, porém convenhamos, pois a facilidade é até mesmo por motivos geográficos. No Brasil há uma nova opção de voo pelo Oriente Médio, mas qualquer escolha que você faça, a viagem irá demorar para chegar ao seu destino.

É preciso de visto, porém o processo é rápido, que pagando uma taxa, leva três dias.

Para quem nunca foi e tem curiosidade mais não sabe em qual cidade ir, são quatro as principais opções: PequimXangai, Xiam e Hong Kong. É um roteiro bem diversificado, desde do estilo moderno até a história da China.

Muitos dos guias turísticos falam espanhol e por incrível que pareça até estão aprendendo o português. A língua oficial é o mandarim e alguns lugares o cantonês.

Outra dica é levar dólar e trocar pela moeda local, o Yuan, essa troca pode ocorrer até mesmo no hotel.

Não se esqueça da gastronomia exótica do local, a lenda que se come cachorro é verdadeira, assim como escorpião, bicho-da-seda, pepino-do-mar, entre outros. Mas lá se encontram restaurantes com variedades de comida além, claro, do bom e velho McDonald’s.

No requisito de compras, não podemos esquecer que lá é o mundo “Made in China”, existe muita falsificação localizada em shoppings, ambulantes e mercados. Porém a dica é para não ir comprando tudo que vê pela frente, tome cuidado, pois alguns produtos são mal fabricados. Mas também existem as lojas que vendem os produtos originais.

É aproximadamente 1,3 bilhão de habitantes, então o trânsito é um caos, dependendo do lugar o ônibus de turista não passa ou precisa de autorização.

Dicas de lugares que merecem ser visitados: a Muralha da China, as barraquinhas de alimentação exóticas de Wangfujing, a Cidade Proibida, andar de riquixá (carrinho puxado por uma bicicleta), visitar os parques de Beijing, conhecer o Parque do tempo ou Altar do Céu e os parques Zhongshan Park e Jingshan Park.

Por Viviane Lima


A temporada de sol, calor e praias lotadas já dá o seu adeus. Quem aproveitou o verão nas areias brasileiras ou então quem não teve a chance de tirar as tão sonhadas férias durante o verão, já pode começar a se programar para as viagens de inverno.

Para quem quer sair do país, mas também não quer ir muito longe e nem atravessar oceanos, uma excelente dica é visitar o deserto do Atacama, no Chile, localizado próximo às fronteiras da Argentina e Bolívia. A pequena cidade de San Pedro do Atacama é perfeita para quem busca conhecer novas culturas, andar por belas paisagens e interagir com a natureza em suas mais variadas formas.

A cidade tem menos de cinco mil habitantes e está localizada a 1.870 quilômetros de Santiago, a capital chilena, mas oferece muitos atrativos aos visitantes. Desde trilhas pelo Valle de la Luna, uma incrível área de formações geológicas; passeios pelo enorme salar na companhia dos flamingos que passam o dia a procura de crustáceos; além das visitas aos Gêiseres del Tatio, a aldeia Tulor e a casa onde viveu o fundador de Santiago, onde atualmente funciona uma lojinha de suvenires.

Mas apesar de a cidade ser pequena, não faltam ótimas opções de hospedagem para os turistas que vêm do mundo todo. As acomodações vão desde luxuosos hotéis até os hostels mais simples, ideal para grupos de jovens que visitam San Pedro do Atacama.

Por Juliete Lunkes


O famoso “Buraco das Araras”, embora conste como atrativo do município de Bonito, no Mato Grosso do Sul, localiza-se na cidade de Jardim, a 53 km de Bonito. Não obstante, fronteiras municipais à parte, o Buraco das Araras constitui-se de uma grande cratera de arenito formada em meio ao bioma cerrado, típico da região.

Essa cratera tornou-se, naturalmente, o habitat de inúmeras espécies de aves, especialmente as conhecidas Araras Vermelhas, daí o nome do local. O Buraco das Araras possui em seu interior uma fauna e flora bem próprias, com um ecossistema distinto, que conta também com lago habitado por jacarés de papo amarelo.

O Buraco é conservado, administrado e explorado turisticamente pela Buraco das Araras Ecoturismo, que cobra atualmente um valor de R$ 25 por pessoa (com entrada livre para crianças de até 6 anos) para um passeio de cerca de uma hora por uma trilha tranquila e de fácil acesso para pessoas de todas as idades.

Por Laura Skws


Para aqueles que pensam que não é possível fazer turismo em uma cidade grande, precisam conhecer Belo Horizonte. A cidade, que mistura a arquitetura clássica e contemporânea num perfeito equilíbrio, é conhecida pela hospitalidade do seu povo.

Mas o que muitos não sabem é que existem muitos locais turísticos para apreciar na cidade. Além da conhecida Lagoa da Pampulha, cujo complexo foi projetado por Oscar Niemeyer, a capital mineira conta ainda com o Jardim Zoológico, os estádios Mineirão e Mineirinho, a Praça do Papa (conhecida por sua linda vista noturna), o Parque das Mangabeiras e o famoso Mercado Central, parada obrigatória dos mineiros depois das baladas.

Beagá, como é carinhosamente chamada, oferece ainda diversos bares noturnos, que torna a noite na cidade uma grande animação.

Visite o site portalpbh.pbh.gov.br e veja tudo o que a cidade oferece aos turistas.

Por Tamara Fonseca


Turismo para quem já viajou muito e sabe o que é bom, essa é a proposta do Turismo Premium, uma das sugestões de destinos para o México e que podem ser vistas no site www.visitemexico.com. Esse site mostra, ainda, informações úteis sobre o país, sua história, geografia, economia e cultura.

Esta categoria de turismo inclui uma variedade de atividades para o visitante que está em busca de experiências únicas em cenários dos mais elevados padrões de qualidade.

Entre as atividades estão campos de golfe, hotéis, fazendas, spas, iates e lojas de luxo. São mais de 20 campos de golfe em ambientes naturais com excelente infraestrutura e spas para desfrutar de tratamentos exclusivos e certificados pelas normas mexicanas. Além de tudo isso, hospitalidade é o que não falta na cidade.

Outras opções de destinos e maior detalhamento sobre os serviços podem ser solicitados pelo e-mail canadianpress@visitmexico.com.

Por R. Tesch


A Inglaterra, com sua cor predominante “cinza”, revela um charme sem igual, com seus cafés e museus. O interessante é que todos os museus têm entrada franca, dentre eles estão: Tate Modern, National Gallery, Victoria & Albert Museum e National Portrait Gallery.

O Hyde Park é o parque mais famoso da cidade de Londres, outro parque famoso é o Parque Regent onde está o zoológico.

Porém o auge do ponto turístico é o Palácio de Buckingham, sua visitação é um marco histórico. Hoje, na época do verão, os visitantes podem entrar nos aposentos oficiais. Outros cômodos interessantes são o Grande Salão, a Galeria de Arte e Salão do Trono. No lado exterior do Palácio acontece a famosa troca da guarda. A visitação do Palácio começou em 1993 com o objetivo de arrecadar dinheiro para o castelo Windsor que sofreu um incêndio em 1994.

Próximo ao Palácio de Buckingham encontra-se a Estação Victoria e a Catedral de Westminster. No templo Abadia de Westminster, estão os túmulos de reis que fizeram a história da Inglaterra.

Há também o Big Ben, com seu relógio gigantesco, que faz parte do cartão postal da cidade de Londres.

Os musicais mantêm o requinte de Londres, muitos ficam longas temporadas como, por exemplo, o musical Priscila a Rainha do Deserto (Priscilla Queen  of  the Desert). Vários outros musicais, alguns de filmes ou de livros, estão em cartaz na cidade.

Por Viviane Lima


A 300 km da capital paulista, a cidade de Águas de Santa Bárbara é o local perfeito para quem gosta de curtir a natureza. A cidade é famosa pelo seu balneário, regado de águas terapêuticas. Com seus 6.000 habitantes, Águas de Santa Bárbara é aconchegante para quem quer passar férias tranquilas, longe do agito das grandes metrópoles.

Há a cachoeira de Capão Rico, com boa infra-estrutura para os visitantes, incluindo uma lanchonete, banheiros e chuveiros. Os turistas podem fazer churrascos e se divertir bastante com toda a família.

No centro da cidade, há a praça do Balneário. Lá é possível fazer caminhadas e exercícios de alongamento, pois existem aparelhos de ginástica ao longo do caminho. No balneário, pode-se fazer sessões de ofurô, imersão, sauna e piscina. Não há como não sair relaxado da cidade. 

Por Flávia Yoshitani


São Luís, no Maranhão, apesar de estar tão próxima da floresta amazônica ainda faz parte do nordeste brasileiro.

É uma cidade colonizada pelos portugueses, que recebeu escravos negros e que ainda possui influências árabes e holandesas.

Há lindas praias para se visitar lá, além do artesanato da cidade e a arte em azulejos.

Como em todo o nordeste, a temperatura não varia muito durante o ano por isso, não há época do ano para se visitar a cidade, pode ser na baixa ou na alta temporada, pode ser em um feriadão ou em um final de semana comum, nas férias de julho ou janeiro ou em qualquer outro mês.

Vale a pena conhecer um pouco do que faz parte da cultura brasileira.

Mais informações no site www.maranhao.gov.br.

Por Karin Földes


A Bahia é sempre lembrada pelo seu calor, agitação, praias e badalação. Mas, por lá também dá para praticar rapel. Por causa de seu terreno acidentado e incidência de montanhas e cavernas em toda a Bahia, o esporte é muito comum na região.

A Costa do Cacau, com suas inúmeras praias, rios e cachoeiras em espaços preservados da Mata Atlântica, auxiliam na prática do cascading, que usa as mesmas técnicas do rapel para descer as quedas d'água. Perfeita para os aventureiros de plantão, a Cachoeira do Véu de Noiva conta com o maior salto da região, com 40 metros de altura. Mas, para chegar lá, é necessário percorrer uma hora de barco e depois caminhar em uma trilha por 40 minutos.

A Costa do Dendê também oferece queda d'água para os esportistas mais experientes. A região de Paulo Afonso é um lugar impressionante para os apaixonados pela natureza e pelos esportes radicais.

Por Layal Antanios


Já imaginou ficar hospedado em um castelo? Essa é a proposta do albergue Lua Cheia, situado na cidade de Natal e considerado um dos melhores albergues do Brasil. O local parece um castelo, e lá os hóspedes se sentem bem à vontade, alguns até brincam de ser bruxo(a) e usam os famosos chapéus pontudos.

A vantagem de passar uma temporada em um hostel é a possibilidade de conhecer pessoas diferentes, e alguns de várias partes do mundo, além de outro diferencial: o preço, muito mais em conta do que ficar em hotéis e pousadas.

O albergue Lua Cheia oferece passeios de buggy ou van pelo litoral ou interior do estado do Rio Grande do Norte, levando os visitantes a belos lugares. Fica então a dica de quem deseja passar o feriado do carnaval em um ambiente inusitado, pagando pouco e conhecendo gente nova. Para fazer a reserva e conhecer o hostel, acesse o site: www.luacheia.com.br.

Por Andrea Gomes


Belém é uma cidade farta em mangueiras, daí ser chamada de “cidade das mangueiras”. Devido à miscigenação entre portugueses e índios durante a colonização é, também, chamada de “cidade morena”. Mas, a capital que a cada dia atrai mais olhares de fora do Brasil por fazer parte da região amazônica, tem outros atributos. Já foi considerada a capital brasileira das especiarias e é, hoje, o maior exportador de pimenta do reino.

E por falar em temperos, comida boa é o que não falta em Belém. Visitar a cidade sem experimentar algumas de suas preciosidades torna a viagem incompleta. Os sabores criados a partir do encontro de culinárias de diversas partes do mundo tornam a capital do Pará uma referência gastronômica. Alguns pratos já são conhecidos, como o Pato no tucupi (líquido amarelo extraído da mandioca brava) e o tacacá (prato que inclui goma feita de tapioca, camarão, jambu, erva também conhecida como agrião do Pará, e tucupi).

Outros precisam ser (re)descobertos como a maniçoba, feijoada paraense (feita com folhas de mandioca cozidas e moídas), carnes e temperos.

Se a viagem está programada ou já desponta em sonho, o site www.belemweb.com.br pode dar uma ajudinha no roteiro.

Por R. Tesch


Pegue um mapa e observe o continente africano, do lado direito tem um pedacinho de terra, um pequenino um arquipélago chamado Saint-Denis, ao seu lado encontram-se as Ilhas de Maurício. Localizadas no Oceano Índico, são paraísos dignos de livros de aventura.

Também é conhecida como Ilhas Maurício, é um país constituído pelas Ilhas Mascarenhas, Ilha Mauricía e Rodrigues, e por mais dois arquipélagos situados ao norte: Ilhas Cargados Carajos e Agalega. O arquipélago foi formado por uma erupção vulcânica há mais ou menos uns 8 milhões de anos atrás, porém dizem que não há nenhuma atividade vulcânica ativa atualmente.

O local é coberto de areias brancas, rochas e recifes de corais, e também por praias desérticas. É uma ótima opção para passar a lua-de-mel, e também para quem gosta de mergulhos e esportes aquáticos.

A gastronomia é um emaranhado de culturas: francesa, indiana, chinesa e a crioula (essa última predomina). A língua oficial é o inglês, porém o francês também é usado, pois é uma língua cultural e muito falada na região.

O Hotel Casuarina, localizado a 18 km da capital, Trou Aux Biches, é uma ótima opção para os turistas. Possui 3 estrelas com meia-pensão e fica de frente para praia. Tem piscina, SPA, um clubinho para crianças e também kaiak, windsurf e ski náutico. Esse tipo de serviço é considerado normal em quase todos os hotéis e ficam à disposição do hóspede.

A dica de passeio é conhecer o Jardim Pamplemousse, repleto de árvores e flores. Porém, um show especial fica por conta das tartarugas gigantes, e não estou falando das que vivem na água e sim na terra,  elas tem 1m de comprimento e pesam aproximadamente 200 kg.

Outras opções de hotéis: Merville Beach (3 estrelas); La Palmeraie (4 estrelas); Heritage Golf & SPA (5 estrelas); Hotel Grand Mauritian (5 estrelas) e The Residence (5 estrelas).

Por Viviane Lima


Localizada em Mato Grosso, a 108 km de Cuiabá, Poconé é um município pantaneiro, com casas do século 19. Mas o que fazer lá???

A cidadezinha é conhecida por festas tradicionais, como a Festa de São Sebastião que acontece no mês de Junho, e também pela comida típica da região.

Da cidade você tem acesso a estrada Transpantaneira, onde tem hotéis, pousadas, restaurantes e animais. Para transitar nessa estrada pede-se para ir com cautela, para apreciar a paisagem que percorre o Rio Cuiabá e também por causa dos animais que por ali passam.

Aconselham a ir no período de seca, pois nas cheias alguns trechos ficam impossibilitados de passar. Aproveite o ar bucólico da cidade histórica e se for em junho, poderá curtir a Festa de São Sebastião, com direito as famosas Cavalhadas, que são encenações medievais, e as apresentações dos Mascavos, grupos de danças folclóricas inspiradas nos rituais indígenas.

Por Viviane Lima


Conhecida por seu clima ameno, Guaramiranga, no Ceará, é uma serra que fica a 130 km de Fortaleza. Tem uma temperatura que fica em torno dos 18 graus. Localizada no maciço de Baturité, a cidade, que é conhecida como a Suíça brasileira, cultiva flores, atrai turistas e oferece aos visitantes bons hotéis, restaurantes, passeios a lugares turísticos da região e o famoso Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga, evento que acontece todos os anos no local.

Guaramiraga é uma região protegida ambientalmente. Um dos passeios que não se deve perder é ao Pico Alto, que oferece uma vista espetacular de todo o lugar. Para quem quer fugir da agitação da cidade grande e do clima quente, Guaramiranga é uma ótima opção.

Conheça o evento Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga, que acontecerá em Março deste ano, no Ceará: www.jazzeblues.com.br.

Por Monique Mota


Eleita pela 10ª vez a melhor praia do Brasil, ninguém duvida que Porto de Galinhas seja uma ótima pedida para quem quer tirar férias de primeira em um ambiente repleto de boas opções gastronômicas e de entretenimento.

Situada em Ipojuca (PE), entre Cupe e Macaraípe, Porto de Galinhas é a praia das jangadas, dos corais e da galinha Jujuca, mascote que representa o balneário e recebe os turistas.  As piscinas naturais são uma ótima pedida para quem quer descansar da viagem. Já para quem está com disposição e quer aproveitar cada minuto, descobrindo as novidades do lugar, uma volta de catamarã até a Ilha de Santo Aleixo é o que se tem de melhor.

A noite, o clima de luau permanente atrai os enamorados e aqueles que desejam admirar o céu deslumbrante em direção ao Atlântico. São muitos os locais de hospedagem, mas como esta é uma escolha muito pessoal, o ideal é entrar no site www.visiteportodegalinhas.com e avaliar as possibilidades. Boa viagem!

R. Tesch


Parece que estamos nas ilhas do pacífico, mas é Maragogi, a cerca de 125 km de distância de Maceió, no litoral norte de Alagoas. O clima é úmido e quente e a temperatura varia em torno de 27º. Mais um lugar privilegiado do território brasileiro.

Um dos pontos mais altos de uma viagem a Maragogi é, sem dúvida, o mergulho. São diversos os pontos que atraem os visitantes. Como o mar é calmo, qualquer um, mesmo quem tem medo de mergulhar, consegue se aventurar com os profissionais especializados e que estão à disposição dos interessados. A água, clara e limpíssima, permite que se veja toda a diversidade de plantas e animais que circulam pelos bancos de corais. Além disso, como houve muitos naufrágios na região, o passeio se torna uma exploração à parte, quase uma busca ao tesouro que permite voltar aos tempos de criança.

Esta aventura que aguça a imaginação e várias informações importantes no mundo real podem ser encontradas no site www.maragogionline.com.br.

Por R. Tesch


A história da cidade de Paraíba do Sul começou a ser criada em 1681, quando ela passou a ser vista como um caminho que facilitaria o tráfego do ouro descoberto em Minas Gerais até o porto do Rio. Mais tarde, já com várias construções e moradores, a cidade serviu de palco para o movimento da Inconfidência. Tiradentes pregava a Independência do Brasil na Fazenda das Sebollas.

São muitas as opções culturais para quem visita a cidade: Teatro Municipal Mariano Aranha, Bibliotecas Municipais, Museu Sacro-Histórico de Tiradentes, Galeria Cultural Luís Carlos Tavares Coelho, Museu Ferroviário José Pereira Palhares, Museu Histórico Iconográfico Nicolino Visconti, Cinema Popular Nívea Stelmann e Centro Municipal de Cultura Profª. Maria de Lourdes Tavares.

Os turistas ainda podem aproveitar o Trem da Estrada Real, a Praça Marquês de São João Marcos, a Praça Garcia, a Ponte Férrea Dr. Leopoldo Teixeira Leite, a Ponte da Parahyba, a Pedra da Tocaia, a Estação Ferroviária, o Centro Cultural Luis Carlos Tavares Coelho, a Estação ferroviária de Cavarú e o Parque das Águas Minerais Salutaris.

O que não falta em Paraíba do Sul são atrações e possibilidades de enriquecer o próprio conhecimento. Um site recomendado para obter maiores informações sobre  a cidade é o www.paraibanet.com.br.

Por R. Tesch


Próximo a Porto de Galinhas, Serrambi é uma praia do litoral pernambucano onde existem ancoradouros naturais para as embarcações e os visitantes podem contemplar a água limpa e clara ao longo de mais de 2 km de extensão. Altos coqueiros e vegetação rasteira completam a paisagem.

Serrambi é o lugar ideal para quem quer descansar e não tem muito dinheiro para gastar. Há pousadas mais simples, sorveterias, pizzarias e um recomendado ateliê de pintura, onde podem ser adquiridos quadros que retratam o cartão postal.

Para quem quer mais conforto há o Serrambi Resort, à beira-mar. O hotel tem uma estrutura física excelente, que inclui piscina, salão de jogos e quadra de esportes, e todos os quartos são de frente para o mar. Profissionais especializados também ficam à disposição dos hóspedes que quiserem usufruir da frota náutica do resort.

É só escolher o passeio programado que cabe no seu bolso e fazer as reservas.

Por R. Tesch


O Brasil é um país rico em natureza e belas paisagens, e o Pantanal é realmente um lugar cheio de variedades naturais. A grande maioria nem imagina a riqueza que o Pantanal possui, nem ao menos sabem onde se localiza.

O cenário é muito explorado em novelas e vira e mexe, seu nome é citado em pesquisas e constatações ambientais. Considerada a maior área em extensão de terras inundáveis do planeta, o local é composto por três regiões diferentes, são elas: Amazônia, Cerrado e Chaco, que na maioria das vezes servem como abrigo para mais de 65 espécies de animais.

Para os turistas que gostam de uma boa aventura, são oferecidos fazendas e hotéis ecológicos. Vale a pena conhecer essa parte tão rica e importante do Brasil.

Juliana Alves


Quem aprecia um bom vinho, não pode deixar de conhecer a Festa Nacional do Vinho, realizada em Bento Gonçalves. O evento que é realizado há mais de 40 anos movimenta a economia da cidade nos meses de janeiro e fevereiro. O acontecimento é o maior do país no segmento de bebidas e reúne os maiores produtores de vinho da região.

Com um clima italiano, o espaço também oferece restaurante e lojas para as vendas de suco de uva, queijo e o próprio vinho. É aguardada a presença de milhares de pessoas na época do evento, são pessoas de diversos lugares em busca de divertimento, das programações de shows e é claro, a degustação do vinho, que é quem move e promove a região.

Por Juliana Alves


Paraty é uma cidade composta por muitas belezas naturais, mas também é reconhecida por ser histórica. Localizada na região da Costa Verde, no sul do Estado do Rio de Janeiro. Um dos grandes eventos no local é a FLIP (Feira literária de Paraty), onde recebe gente de todo o canto e personalidade do mundo dos livros.

Mas a cidade também conta com outras atividades muito importantes e de grande procura por visitantes. Para os apreciadores de belas cachoeiras, uma dica é ir à Cachoeira da Pedra Branca, a água apresenta temperatura um pouco fria, mas vale à pena conhecê-la. A paisagem fica mais linda com as piscinas e dunas naturais no local, o que tornará seu passeio mais agradável e refrescante.

Por Juliana Alves


Se você está em busca de descanso e curtir as belas paisagens que o Brasil tem a oferecer. Vá para Búzios e explore seu litoral repleto de belezas naturais. Quem for viajar em família pode apostar que essa é uma boa pedida, pois o local agrada aos mais diversos estilos de visitantes.

Para relaxar dê um pulo nas praias Azeda Azedinha e do Forno, que na maioria das vezes estão vazias e encantam por suas águas cristalinas. Para os pequenos a diversão fica por conta de João Fernandes e Ferradura, onde o mar é calmo e oferece quiosques.

Para pegar onda, os surfistas podem ir à Geribá, onde também é famoso pela paquera que rola solta. Os ventos da praia Rosa e Manguinhos são propícios para os amantes de windsurf. Atividade é o que não falta em Búzios.

Juliana Alves


O litoral Norte de São Paulo é famoso por suas praias e belezas naturais. Ubatuba não foge a regra da informação e oferece aos visitantes atrações em forma de enseadas e baías de águas verdes e Azuis. Já a vegetação fica por conta da Serra do Mar. Belas paisagens é o que não falta nesse pedaço do litoral.

Os aventureiros de plantão podem praticar trekking no Parque Estadual da Serra do Mar, onde há praias desertas, rios, costões e ruínas de fazendas. Os amantes do surf e das ondas vão adorar as praias de Itamambuca e Félix, a viagem valerá a pena.

A diversão local é garantida pelos bares e boates que tocam estilos musicais diversos. Para fazer uma boquinha, os restaurantes servem de frutos do mar até cozinha internacional. Mas vale dar uma conferida em um prato típico feito a base de peixe com banana, o famoso Azul Marinho é o destaque entre os turistas de Ubatuba.

Por Juliana Alves


O Brasil possui tantas belezas e lugares lindos, mas que infelizmente não são tão conhecidos. Muitos não exploram a cultura que é oferecida no país, e olha que são muitos. Vários brasileiros sequer saem de sua cidade de origem e perdem a oportunidade de se aventurar pelas belas regiões brasileiras.

O Pará é uma capital cheia de atrações turísticas, tem uma cultura local muito forte e praias que engrandecem mais ainda sua vista. A Praia da Princesa é uma delas. Localizada na ilha de Algodoal, uma ilha de pescadores, Princesa é a  praia mais famosa das redondezas . A galera que adora um surf não vai ter do que reclamar, pois o local é um pico muito procurado devido às boas ondas.

A noite da Ilha é embalada ao som de reggae e carimbó. Os petiscos ficam por conta do famoso peixe frito e caldeirada, pratos típicos do local, servidos em quiosques. É uma beleza sem tamanho.

Créditos: Flickr

Por Juliana Alves


O litoral paulista é com certeza um dos locais mais visitados em épocas de final de ano, férias e comemorações diversas. Regiões litorâneas são consideradas um refúgio para aqueles que querem se ver livres do estresse e do caos dos centros urbanos.

A cidade de Santos é maior cidade do litoral paulista, e possui o porto mais movimentado da América Latina. É uma cidade histórica pela época do café e um pólo muito rico em turismo. Composta por belas praias, museus, comércio e uma vida noturna bem agitada, Santos é eleita uma das melhores cidades para se viver e investir, ainda mais agora com o Pré-sal. A cidade movimenta a economia em diversos setores, o que será um avanço para ela e para a história do país.

Aqui vão algumas dicas de onde ficar em Santos: Hotel Indaiá, na Av. Ana Costa, 431 Gonzaga. Hotel Carina Flat, na Rua Ministro João Mendes, 271.

Confira no vídeo um pouco da cidade de Santos:

Por Juliana Alves


Que São Paulo é uma cidade que respira e inspira cultura, todos já sabem. Em muitos pontos da capital há um espaço que oferece atividades culturais das mais variadas, desde música, teatro, shows, exposições entre outros.

Um dos lugares mais visitados em São Paulo é o Centro Cultural Vergueiro; entidade social coordenada pela Secretária Municipal de Cultura e considerado um dos espaços culturais mais importantes do Brasil.

O local também apresenta em seu acervo a Pinacoteca Municipal, a coleção de pesquisas feitas sobre o folclore de Mário de Andrade e diversos materiais que conservam a história da terra da garoa. Quem for conferir o local terá garantia de diversão, qualidade, lazer e o conhecimento. Muitas apresentações são oferecidas gratuitamente e outras à preços promocionais. Vale à pena conferir.

Juliana Alves


Se você deseja fazer um passeio divertido pelo interior do estado de São Paulo, a cidade de Brotas é uma boa opção. Considerada a capital dos Esportes e da Aventura, Brotas também possui seu lado calmo e tranquilo para aqueles que desejam apenas relaxar e apreciar as belezas naturais.

No entanto, se o seu estilo é um pouco mais aventureiro, a cidade também acaba sendo uma ótima escolha para essas férias. Esportes como rafting, cayoning, bóia-cross, tirolesas, cavalgadas, montain bike e arborismo são opções realizadas por profissionais para que os turistas tenham o máximo de segurança.

Além disso, o site oficial da cidade mostra opções de restaurantes e hospedagens. Existem hotéis e pousadas para todos os bolsos, que vão de locais econômicos a locais requintados.

Saiba mais sobre os pacotes no portal e aventure-se nesta pequena e cativante cidade do interior de São Paulo.

Por Adriana Arruda


Com a chegada das datas comemorativas de fim de ano, muitos turistas preferem fugir da agitação das tradicionais festas e procurar lugares mais tranquilos para recuperar as energias para o próximo ano. Localizada a 95 km de Natal, capital do Rio Grande do Norte, a Praia da Pipa é uma opção aos amantes da natureza.

A paisagem é composta de coqueirais e falésias, além de possuir tradição pesqueira e uma vasta área de preservação. Os viajantes dessa área do Nordeste possuem a opção de conhecer famosas praias do local, como Malembá, Tibau do Sul, Praia do Madeiro, Praia do Amor, entre outras.

Além de curtir as belezas naturais, os turistas da Praia da Pipa também podem realizar passeios variados, tais como buggy, barco, pesca, caiaque e até a cavalo. O local também está repleto de hospedagens aconchegantes e restaurantes saborosos para quem deseja tranquilidade. Se interessou? Entre na página oficial da Praia da Pipa e descubra as maravilhas que o esperam nestas datas comemorativas ou em qualquer época do ano.

Por Adriana Arruda


A imagem mais comum do Sertão é de lugar quente, pobre e infértil. A boa notícia é que muitas pessoas já estão descobrindo os atrativos turísticos existentes no Sertão. O Sertão de Sergipe, por exemplo, já possui uma rota consolidada (Rota do Sertão) de visita aos cânions do Rio São Francisco.

O passeio de Catamarã e a visita à hidroelétrica de Xingó são algumas das opções.

Você pode também aproveitar o tempo e adquirir algum conhecimento sobre a arqueologia brasileira visitando o Museu Arqueológico de Xingó (MAX) administrado pela Universidade Federal de Sergipe.

De passagem para Canindé do São Francisco, município de onde saem os passeios de Catamarã, você pode parar em Poço Redondo e conhecer as rendeiras de bilro e a Grota de Angicos, local da morte de Lampião e seu bando.

Por Christiane Falcão


Berlim é a capital da Alemanha e uma das cidades mais importantes do mundo. Após a queda do muro, que separava a Alemanha Oriental da Alemanha Ocidental, simbolizando também a divisão do mundo entre capitalistas e socialistas, em 1989, Berlim se tornou um símbolo de esperança de entendimento entre as nações do planeta.

E quem visita a cidade se deslumbra com a quantidade de atrações que ela oferece, além de sua excelente infra-estrutura. Um passeio de barco, por exemplo, permite vislumbrar marcos históricos como a antiga Catedral de Berlim e a ilha dos museus, e acompanhar os momentos de descontração dos turistas na Praia da Imprensa.

Em Berlim, se respira arte, cultura e história. Um lugar ideal tanto para quem quer saber um pouco mais sobre os conflitos gerados durante e no pós-guerra quanto para quem quer aproveitar as férias curtindo musicais, shows, óperas, concertos e os bares da região. O site www.visitealemanha.com abre as portas para o turista. Visite!

Por Rosane Tesch


Nestas férias de verão de 2011, se quer curtir um lugar em contato com a natureza, aonde tenha opção de descansar e praticar diversos esportes, com acomodações confortáveis e charmosas. Este lugar é Santa Clara Eco Resort, em Dourados, no interior de São Paulo.

Sua sede foi estruturada no inicio do século, pela família de Washington Luis (ex-presidente), e com sua reforma foi ampliada e melhorada sem perder o estilo. Rodeada por florestas, cachoeiras e vales em uma extensão de 360 hectares.

Possui atividades para todos os gostos, um Parque de Aventuras, com esportes como rapel e cavalgadas, com guias do próprio resort. Para atividades mais tranquilas, há opção de caminhadas, trilhas, bicicletas e passeios históricos pelas fazendas. Para lazer há 3 piscinas, lago, sauna seca e úmida, hidromassagem ao ar livre, sala de leitura, lareira, sala de jogos e muitos outros bem divididos em sua extensão. Não podemos esquecer-nos dos pequenos, com guias para as crianças de todas as idades, com atividades que irão marcar suas férias.

Apartamentos com ar condicionado, frigobar, televisão, telefone, varandas com rede e com uma vista estimulante para o vale. Refeições deliciosas de fazenda são o toque especial deste recanto.

Mais informações de pacotes e demais: www.santaclaraecoresort.com.br.

Por Thais Gusmão


Manaus é uma capital que nem todo mundo tem vontade de conhecer. É uma pena, uma vez que a cidade é muito interessante e cheia de cultura. Abaixo estão algumas dicas para os turistas e para os próprios moradores da capital do Amazonas.

  • Visitar a Bototerapia e ver os botos vermelhos, mais conhecidos como botos cor-de-rosa.
  • Fazer um cruzeiro no Iberostar Grand Amazon e curtir muitas experiências com a natureza.
  • Ir até o encontro dos rios Solimões e o Negro.
  • Festival do Boi Bumbá de Parintins, evento muito conhecido em todo o Brasil.
  • Curtir a Sinfonia Amazônica com o maestro Julio Medaglia.
  • Tirar fotos do Teatro Amazonas.

É uma viagem muito interessante. O envolvimento com a natureza é intensa.

Fernanda T. Sodré


Para aquelas pessoas que gostam de viajar, conhecer lugares novos e interessantes, de preferência com uma natureza exuberante, existe um lugar ideal, "O Parque da Lapa Grande". Situado a poucos metros de Montes Claros, cidade pólo do norte de minas gerais.

Este parque segundo o site Intertevonline possui 8 mil hectares reservados à natureza. Seis quilômetros dividem a cidade do Parque Estadual da Lapa Grande. Ainda segundo o site, o parque foi criado em 2006 por decreto. Esta maravilha ecológica além da paisagem é um recanto de pesquisas, uma vez que, o mesmo, possui mais de 40 sítios arqueológicos. Sendo assim posso assegurar que este parque não é só um deslumbre para os olhos, mais também uma rica fonte de pesquisas. Um verdadeiro tesouro ecológico.

Por Celia Jane Santos


Poços de Caldas tem muito a oferecer ao turista. Abaixo listamos o que fazer na cidade, que está localizada a apenas 259 km de São Paulo e 489 km do Rio de Janeiro.

1) Recanto Japonês: agradável local com jardins que seguem a temática oriental, com carpas, casa de chám quiosque e caramanchão, fonte dos três desejos e trilhas diversas. A natureza reserva ao viajante a oportunidade de observar animais silvetres em seu habitat natural, neste resquício de Mata Atlântica. Ainda há uma loja que vende diversos artigos, como cds de música japonese, doces típicos e camisetas e lembranças diversas.

2) Fonte dos Amores: ao pé da Serra de São Domingos fica o cartão postal da cidade, a Fonte dos Amores. Imperdível.

3) Cristais Cá d'Oro: os cristais são produzidos reproduzindo técnicas seculares oriundas de Murano, na Itália, e são vendidos numa ampla loja na cidade. Através de uma janela é possível ver os artesãos trasnsformar os elementos em autênticas obras de arte.

Além disso há o teleférico, o Mercado Municipal, e a Pedra do Balão. Visite o site da cidade e faça seu roteiro: www.pocosdecaldas.mg.gov. Boa viagem!

Por Cris Keller


Cidade do Porto com seus casarões  antigos, seu povo hospitaleiro e  carregado de amabilidade, juntamente com o famoso e delicioso vinho é uma  mistura perfeita de aconchego onde a simplicidade  e  a exuberância de seus tesouros arquitetônicos  se revelam.

A cidade oferece ao visitante um grande menu de possibilidades de diversão e lazer, como a praia que fica  junto ao castelo de queijo,  um passeio pelo mercado, onde se encontra  flores belíssimas, peixes frescos e uma grande  variedade de especiarias,vendidas a granel um verdadeiro mergulho  no tempo medieval.

A arquitetura da cidade é uma atração a parte como o Átrio da Estação de São Bento, um passeio pelas caves,  há opções de mini-cruzeiros, além de inúmeros restaurantes fabulosos.

Um passeio imperdível á  Vila Nova de Gaia, onde  junto a Ponte D. Luis I, esta situado o Mosteiro da Serra do Pilar esta localizado, o mais fascinante mirante da cidade.

Por Silvane Romero


Em Orlando Hot Dog é para criança. Lá você pode encarar uma legítima mussaká (lasanha grega feita com beringela) no Internacional Drive.

Há também o Opa Taverna, um restaurante informal e divertido, onde frequentadores sobem nas mesas para dançar e os garçons jogam maços e guardanapos pelos ares.

Há o Cafe Malik que traz o melhor da exótica comida de Bahamas.

O restaurante Ceviche serve os famosos tapas espanhóis.

O Brio Tuscan Grill é um restaurante italiano que serve o melhor da comida toscana.  

Já sabe então, se for a Orlando não fique só no Fast Food, aproveite para fazer um turismo gastronômico.

Por Victor Gonçalves


Conhecida como a capital brasileira do boteco, Belo Horizonte, mantém este tradicional paradigma, pois tem como explicação a ausência de mar. Assim, a opção é ir a um belo e bom boteco. Existem até constatações do IBH – Índice de Boteco por Habitante – que beira a margem 3 para 1 e, obviamente um dos maiores índices do Brasil.

Mas, brincadeiras a parte, ressalta-se os tradicionais botecos como Casa Cheia, dentro do Mercado Central e o Café Palhares, que serve a 50 anos o “kaol”, um prato feito de arroz, linguiça e ovo. Também existem os moderninhos como o Maria de Lourdes Botequim, onde? Em Lourdes.

No evento Comida di Buteco, onde mais de 40 casas participam, a intenção é divulgar a gastronomia. Entretanto, quem visita BH e pensa que só vai degustar a típica comida mineira; engana-se. O circuito gastronômico de “Beagá” varia desde a comida baiana até pratos que são destaques internacionais.

Por Patricia Gujev


Passeio para quem não tem medo de altura, os elevadores pelo mundo oferecem ótima vista ou até mesmo atingir uma parte alta da cidade.

Em Hammestschwand, na Suíca, fica o elevador externo mais alto da Europa, com 152 metros. Localizado em Lucerna, na região central da Suíça, foi contruído em 1905, e demora cerca de um minuto para os passageiros atingirem o topo da Montanhade Bürgenstock, e apreciem a vista para os Alpes.

Nos EUA há o elevador municipal da cidade de Oregon. Criado em 1955 foi idealizado para facilitar a vida dos moradores locais. A viagem é gratuita e em apenas 15 segundo o elevador atinge seus 40 metros de altura.

O Elevador do Carmo, em Santa Justa, Portugal, oferece aos visitantes no topo, um café com vista para o centro e para o Rio Tejo. 

O maior do mundo está localizado em Bailong na China. Ele mede 330 metros de altura, e atinge o topo em menos de 2 minutos.

Por Fernanda Peixoto


Depois que o coronel Percy Fawcet explorou a Serra do Roncador em busca da cidade perdida de Atlântida, o local se tornou ponto turístico de brasileiros e pessoas do mundo afora. 

Mitos e estórias à parte, a Serra do Roncador apresenta várias áreas muito interessantes para serem visitadas. Desde cientistas até Aventureiros são atraídos pelas ruínas arqueológicas, vulcões extintos, fósseis de animais pré-históricos e lagoas que encantam a Serra.

A região que é conhecida mundialmente como um santuário metafísico, ainda é pouco explorada pelo homem. Pessoas que procuram um local para caminhadas, pratica de esportes de aventura e o ecoturismo, encontram na Serra do Roncador um lugar ideal.

Ela está localizada no Mato Grosso, e com mil quilômetros de extensão,dentre cannyons, grutas,cavernas etc, se estende até o Estado do Pará. O parapente também é um dos esportes praticados pelos turistas, as rampas de vôo livre do local são consideradas uma das melhores.

Confira abaixo uma matéria interessante sobre a Serra:

Por Oscar Ariel


O Sommelier e restauranteur Lamberto Percussi da paulistana Vinheira Percussi viaja todo ano para a Itália, onde visita alguns dos mais importantes restaurantes e vinhedos das regiões de Vinhedo, Pielmonte e Lombardia.

Tão bom e experiente nesta região que chega a guiar algus grupos de turistas pelos locais que mais ama, chega até a caçar com perdigueiros atrás de trufas brancas. Ele indica seus lugares favoritos: Belvedere, Relais San Maurizio, Ristorante Bovio,  Restaurante Guido Di Costigliole, Alba, Cantina Pio Cesare e Vitivinicultura do Pielmonte. 

Se você está ou estará em passeio pela Itália, aproveita estas dicas para aproveitar e muito bem tudo que este país lindo tem a oferecer.

Por Teresa Almeida


Quem procura sossego e tranquilidade a pouco tempo de São Paulo, deve conhecer a cidade de Bragança Paulista. Localizada a 90 km da capital, Bragança é Estância Turística e Estância Climática do Estado de São Paulo, recebendo verbas maiores para ser aplicadas em Turismo.

Para quem gosta de movimento, a cidade realiza anualmente a “Expoagro e Festa do peão de Bragança Paulista” o “Festival de Inverno” e o “Maio cultural”.

Já quem busca a tranquilidade da cidade, recomenda-se passar uma tarde em torno do Lago do Taboão, principal ponto turístico de Bragança. Lá você poderá tomar caminhar, apreciar comidas típicas, e levar seus filhos ao parquinho local. Local perfeito para você e sua família entrarem em harmonia com a natureza.

Por Fernanda Peixoto


O mês de julho está chegando e as famílias já estão definindo os roteiros para passar as férias escolares ao lado dos filhos. Para quem tem crianças, são muitas as opções de passeios pelo Brasil, que vão de lindas praias até parques aquáticos e termas que disponibilizam diversas opções de lazer para a criançada e para os pais.

As novidades para a temporada 2010 é o aumento de Resorts e Hotéis que oferecem o sistema all inclusive (tudo incluso), no qual você paga a viagem e não precisa desembolsar um tostão sequer para alimentação ou atividades de lazer.

As opções de pacotes turísticos servem para todos os gostos e bolsos. Há roteiros completos, que atraem e agradam a todas as idades, desde acampamentos, parques aquáticos, praias, até passeios e atividades de lazer.

Basta decidir o local e a região deste imenso país para poder desfrutar de maravilhosas férias com toda a família.

Por Luana Neves


Palhoça está localizada na região da Grande Florianópolis, litoral de Santa Catarina, e, além de possuir belas praias e belezas naturais, ainda é um importante pólo comercial e industrial e um centro onde a cultura está presente em diversos aspectos.  Suas praias  paradisíacas e parques ecológicos repletos de natureza vibrante não chegam a atrair turistas de locais muito distantes, mas é um destinos favoritos dos catarinenses conhecedores de seu litoral.  Entre as praias mais badaladas de Palhoça está a Guarda do Embaú, que atraí milhares jovens, principalmente de alto poder aquisitivo, durantes os fins de semanas do verão.

Quem prefere tranqüilidade, a melhor opção é a praia de Pinheira, que possui águas limpas e calmas e é cercada pela mata nativa, ideal para viagens em família. Além dos balneários, a cultura é pulsante em Palhoça. A arquitetura antiga, herdada pelos colonizadores alemães, italianos, açorianos e portugueses embelezam ainda mais as ruas da cidade. O artesanato local preserva os seus costumes e são reflexo de sua cultura, principalmente a indígena.

Fonte: Guia Santa Catarina

Por Juliete Lunkes


A cidade de Itajaí, localizada no litoral catarinense, apesar de possuir belas praias, não é tão lembrada assim quando o assunto é areia, ondas e água salgada. Famosa pelo seu porto, a cidade além de ser um excelente balneário para turistas no verão, é também berço de muita cultura e história. A praia Brava é a mais procurada por turistas do país inteiro, e de países vizinhos como Argentina e Chile, e é uma das poucas na região que não foi transformada em um badalado centro urbano.

A praia de Cabeçudas, apesar de mais urbana, consegue manter seu ritmo de organização, ficando lotada nos dias quentes do verão. Próxima a ela, está a praia da Atalaia, muito procurada pelos surfistas de toda a região. Nos dias não muito propícios para banhos de sol e mar, a cidade possui ainda um leque de outras atrações.

Seus prédios históricos, incluindo o belíssimo palácio Marcos Konder, que sedia o Museu Histórico, são de encher os olhos. Uma volta no píer turístico também é uma boa pedida, e você já pode aproveitar para tomar um café em um dos bares da cidade velha e dar uma volta do calçadão comercia Hercílio Luz.

Por Juliete Lunkes


Leeds está localizada na região norte da Inglaterra, fazendo parte do condado de West Yorkshire, e é a terceira maior cidade do país. Seu patrimônio cultural é extremamente rico e durante a noite o agito toma conta de seus clubes, bares e restaurantes. Aliás, opções de entretenimento não faltam em Leeds. Além da diversão noturna, a cidade possui renomadas companhias de teatro, balé e ópera. Outro aspecto essencial na cultura da cidade é o esporte. Os apaixonados pelo futebol de todas as partes do mundo sabem da historia do Leeds United e Elland Road.

Em Leeds existem opções de lazer e entretenimento para todas as idades. Os jardins do Tropical Word juntamente com o palácio de Harewood House são grandes atrativos turísticos da cidade. Na galeria de Arte de Leeds ainda é possível observar impressionantes obras de arte contemporânea britânica, incluindo as de Francis Bacon, Antony Gormley e Henry Moore.

Fonte: England2018

Por Juliete Lunkes


Bogotá, capital da Colômbia, é repleta de grandes monumentos e belíssimas paisagens. Há muito o que conhecer e explorar na cidade, desde andar pelas ruas do antigo bairro de La Candelaria, conferir a maravilhosa visão panorâmica de Bogotá de cima do Monserrate ou simplesmente beber o tradicional café colombiano.

O povo de Bogotá encanta por sua hospitalidade, e sua vida cultural é muito ativa. São dezenas de museus e bibliotecas espalhadas por toda a cidade, contando histórias da arte pré-colombiana até a mais contemporânea. Há também eventos que agitam a capital colombiana durante o ano, entre eles o Rock al Parque, um tradicional festival de música da cidade, que ocorre no parque Símon Bolivar.

A temperatura em Bogotá é amena durante quase todo ano, mantendo uma media de 14 graus. Sua paisagem é cercada por diversos morros, permitindo exuberantes cenários em todas as partes da cidade.

Fonte: Uol

Juliete Lunkes


Londres talvez seja uma das capitais mais multiétnicas e multiculturais do mundo. Em um mesmo quarteirão é possível ouvir até quatro idiomas diferentes falados por pessoas das mais variadas nacionalidades.

A vida de Londres resume-se em parques lindíssimos, excelentes museus, vários pubs, galerias de arte e teatros. A capital inglesa é praticamente incansável. Uma simples volta em um de seus ônibus vermelhos de dois andares a qualquer hora do dia ou da noite já é um grande programa para uma tarde fria na cidade.

Londres reúne tudo o que há de bom nas principais capitais do mundo e um pouco do que há de pior. Talvez por isso ela seja considerada o centro do mundo. Apesar de a grande maioria dos centros culturais da cidade serem pagos, há muito o que visitar e observar em Londres sem gastar um centavo.  Ir aos parques fazer pique nique nos dias ensolarados do verão é uma atração a parte.

Fonte: Uol

Por Juliete Lunkes


Dotada de muitas heranças da colonização italiana e germânica, o município catarinense de Presidente Getúlio conserva grande parte dos costumes através de seu folclore, culinária e projeções arquitetônicas. A cidade é conhecida como “Vale das Cachoeiras” devido às suas dezenas de quedas d’água, totalizando 72 cachoeiras. Juntamente com a intensa mata nativa da região, as quedas d’água tornam Presidente Getúlio um excelente ponto para a prática de esportes como o cascading, trakking, caboyning, voo livre e rapel.

Um das cachoeiras mais bonitas e também mais procuradas para a prática de rapel e canoying é a Cachoeira do Cará, que possui quedas de 62 metros de altura. A Cachoeira Tabarelli também é uma das mais procuradas devido aos seus 47 metros de queda.  Mas quem prefere um passeio mais calmo não pode deixar de conhecer o Recanto Favo de Mel, que conta com fabricação e venda de mel e derivados, além de possuir ótimos restaurantes e quiosques para acampamento.

Por Juliete Lunkes

Fonte: Santur


O município catarinense de Videira faz parte do roteiro Vale da Uva e do Vinho, o que torna sua agricultura um grande atrativo turístico. Com aproximadamente 50 mil habitantes, a cidade possui excelente infra-estrutura para receber seus visitantes, dispondo de hotéis bem equipados e ótimos restaurantes.

Um dos atrativos turísticos da cidade é o Museu do Vinho Mário Pellegrin, construído em 1931, que conserva a história da uva de do vinho através de documentos, objetos, e equipamentos. O Observatório Astronômico Domingos Forlim é outro ponto que não pode ser deixado para trás por quem visitar Videira. Lá os turistas tem a inesquecível experiência de visualizar o universo, experimentando todo o deslumbre dos planetas e das estrelas.

A Estação Ferroviária, que hoje foi transformada em área de lazer, conta com a venda diversos produtos de artesanato. Um dos pontos mais bonitos da cidade é a Igreja Matriz Imaculada Conceição. Localizada em um dos pontos mais altos da cidade, a prédio pode ser visto de todos os lugares da cidade. Construída em estilo romântico, com forma de basílica, no ano de 1947, possui todo seu interior decorado com pinturas.

Por Juliete Lunkes

Fonte: Santur


Surpreenda quem sempre esteve do seu lado e com certeza merece um presente inesquecível: que tal levar sua mãe para passar um Dia das Mães diferente?

Em maio as temperaturas em Campos do Jordão já são bem amenas, perfeita para passeios à noite pelas alamedas, jantares, taças de vinhos… sua mãe vai adorar! A cidade tem muito a oferecer em gastronomia, serviços e pontos turísticos. E também não faltam opções de compra e lazer.

Para aproveitar tudo isso uma ótima pedida é a Pousada Campos de Provence, uma pousada especial que está com uma promoção em apartamentos para casal exclusivos para essa data: o pacote Especial Dias das Mães oferece 2 dias de hospedagem (de 07 a 09 de maio, ou seja, de sexta a domingo), e está com preço realmente imperdível, de R$890,00 por R$690,00!

Esse preço é válido para reservas feitas com check in para as 14:00h e check out as 12:00h, e está sujeito à dsiponibilidade de apartamentos para a data desejada. A forma de pagamento é a seguinte: 30% de entrada, e o restante em 3 cheques para a data de saída, 30 e 60 dias. importante: o hotel não trabalha com cartões de crédito. Acesse o site http://www.camposdeprovence.com.br/#/home e conheça mais sobre essa opção de hospedagem em Campos do Jordão! Boa viagem!

Créditos: Cris Keller


O mundo oriental te fascina? Os mistérios árabes te despertam interesse? Então a CVC tem o pacote certo pra você. Para quem se admira com as pirâmides e os mistérios que ainda se escondem por aquelas paredes deve conhecer o Egito. Cidade antiga que ainda trás fascínio e encantamento.

A CVC programou um super roteiro para que o turista conheça cada detalhe das areias árabes e contemple as belezas ainda não reveladas do Egito. São pacotes que abrangem 11 dias e 8 noites e que podem satisfazer a curiosidade dos visitantes nas areias pouco conhecidas.

Os valores variam a partir de R$ 6.529 e as formas de pagamento são variadas, converse com um consultor e entre em contato com a CVC.

Por José Alberi Fortes Junior. 


Para você que gosta de apreciar a natureza e a cultura pitoresca de diferentes lugares, nada melhor do que conhecer a Ilha de Marajó, localizada no Estado do Pará.

Para chegar até lá, parte-se de Belém, numa travessia de cerca de três horas de duração, chegando à capital da ilha, Soure. Neste local podem ser encontradas as praias do Pesqueiro, Barra Velha e Joanes, consideradas as melhores da região.

O búfalo é o símbolo da Ilha de Marajó, e lá se pode desde montar num desses animais, quanto saborear pratos feitos com sua carne como o Frito do Vaqueiro. Estando na ilha, os turistas podem ainda avistar os guarás, aves de penas vermelhas típicas da região, e também podem focar jacarés, passeando de barco pelos igarapés.

Por Márcia V. L. Galvão


A cidade de Paraty localizada no Rio de Janeiro é destino de muitos turistas brasileiros e estrangeiros durante todo o ano.

Cidade colonial, considerada patrimônio da humanidade, suas ruas possuem calçamento “pé de moleque”, casarões e igrejas antigas e símbolos maçônicos.

As ruas, são protegidas por correntes que impedem a passagem dos carros, preservam o encanto. Nos antigos casarões há restaurantes, ateliês, bares, centros culturais e pousadas.

Devido a sua arquitetura, a cidade foi cenário de várias novelas e mini-séries como “A Muralha”, “O Quinto dos Infernos”, “Mulheres de Areia” e outras.

No site da cidade, é possível verificar a programação cultural, dicas de estadia e a história do local. Clica lá : www.paraty.com.br

Por Fernanda Peixoto


Como todas as cidades do litoral, quando passam os feriados, férias etc., Angra dos Reis entra na baixa temporada e perde seus visitantes. Para continuar atraindo turistas fora de época, a Fusar (Fundação de Turismo de Angra dos Reis), está investindo nos atrativos arquitetônicos da cidade, ainda mais depois da tragédia abalou a cidade em 01 de janeiro.

Entre eles está o Centro Histórico de Angra, que mantém preservada a arquitetura barroca, através de seus 14 prédios. Os turistas tem livre passagem para visitas durantes todos os dias da semana. Além do Centro, a cidade possui muitos outros atributos históricos e culturais, como suas igrejas, casarões, ruínas e até fazendas, que representam 507 anos de cultura. Com isso, a prefeitura considera que possui características o bastante para atrair turistas durante o ano todo.

Por Fabrício Fuzimoto


Teresina, uma das cidades turísticas do Nordeste, acabou de ganhar outro ponto turístico para recheá-la. A Ponte Estaiada Mestre João Isidoro França é oficialmente um dos locais de visitação indicados a quem passa pela cidade.

A ponte tem 363 metros de extensão e 28 metros de largura, seis pistas de rolamento, duas ciclovias e um mirante de 95 metros de altura. Ela serve de ligação entre as regiões central e leste da cidade. De acordo com a Prefeitura, devem passar cerca de 45 mil automóveis por ela todos os dias.

Através de seus dois elevadores, é possível subir até o mirante que suporta até 100 pessoas. Lá de cima, o turista não irá se arrepender pela viagem, pois terá vista panorâmica de toda Teresina.

Por Fabrício Fuzimoto


Se você é um daqueles que adora viajar para Europa e, principalmente têm preferência por um país, que é Portugal, aqui vai uma sugestão: No site www.visitportugal.com Você encontra todas as informações que necessita para tornar sua viagem à Portugal, agradável, prática e econômica.

Para você que não conhece o país, saberá onde ficar, os melhores restaurantes, os melhores hotéis e os melhores eventos que Portugal oferece. Você descobrirá mais historia em Portugal, com seus castelos, fazendo você se transportar para outro tempo, passeando pelas feiras medievais, consumindo iguarias de receitas secretas e surpreendendo-se com novas descobertas.

O site ainda oferece promoções especiais, para tornar sua viagem mais barata. Talvez seja essa sua chance de conhecer a Europa. Entre no site e confira se vale a pena viajar até Portugal.

Salete Dias


A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) firmou uma parceria com o YouTube. Agora, os internautas que acessarem o Google Maps podem conferir vídeos que mostram mais sobre o local procurado. Com a Copa de 2014 e a Olimpíada de 2016 chegando, a Embratur quer divulgar a imagem do Brasil lá fora e, nada melhor do que o maior site de vídeos do mundo para ajudar.

Além de integrar os vídeos aos mapas, a Embratur criou um canal no YouTube onde é possível assistir mais de oitenta vídeos sobre o Brasil e seus pontos turísticos,  além de depoimentos de turistas estrangeiros que já vieram para cá. Atletas famosos também participaram do projeto com depoimentos.

Com o lema “O Brasil é sensacional” o canal está disponível para vários países e os vídeos contam com mais de 60 opções diferentes de legendas. No entanto, o Bing Maps já saiu na frente e pretende inserir vídeos em tempo real em seus mapas digitais.

Por Camila Porto de Camargo


Os amantes da viagem devem conhecer Monte Verde. Uma cidade pequena, aconchegante e cheirosa. Todo mundo conhece todo mundo, encontramos as mesmas pessoas por onde passamos ou nos hospedamos. A principal rua do centro, e única, tem aroma de chocolate e sabonete. Encontramos lojas de roupa, queijos e vinhos. Na gastronomia o destaque é a truta, peixe de água doce, com várias opções de acompanhamento.

A paisagem é maravilhosa, o clima agradável, mas o sentimento de integração harmoniosa entre as pessoas é a magia do lugar. Recordamos a importante necessidade dos valores com simples palavras de bom dia, tudo bem, obrigado. A cordialidade traduzida pelo respeito ao outro, transforma a viagem um momento único de conhecer e conversar com pessoas e sobre a vida, que, infelizmente, nos restringimos devido ao medo, justificado pela violência das grandes cidades.

Patricia Gujev


Trabalhando muito ultimamente? Viaje mais! Conheça as maravilhas naturais de Fernando de Noronha. Traga sua família para se deliciar nas águas transparentes das mais belas praias.

Passeios de barco, aluguel de buggy e motos. São apenas algumas das muitas opções para você se divertir. Em Fernando de Noronha você encontrará aventura, tranquilidade e muito mais.

Crie recordações que valham a pena lembrar. Viva momentos inesquecíveis ao lado de quem você ama. Aproveite o que a natureza tem para lhe oferecer. Nada melhor do que momentos de lazer como este para fugir da rotina estressante e fazer feliz quem é importante para você.


As praças de Pedreira, próximo 94 km de São Paulo, são belos pontos turísticos do município. Na Praça de Sant’Ana, encontra-se a Igreja Matriz, de estilo gótico, conta com torres e cruzes iluminadas. Os vitrais completam a bela construção que data entre os séculos XIX e XX.

Já a praça fica em frente à igreja e é um local de encontro e descanso da comunidade de Pedreira. A Praça Angelo Ferrari é outra área verde da cidade, suas árvores frondosas e grandes monumentos são as características mais marcantes do lugar.

O turismo rural do município guarda uma deliciosa ofertas de produtos locais, como massas, pães, queijos, vinhos, e muito mais. Os artesãos também oferecem belas produções, principalmente, confeccionadas com cipós, bambus e bucha vegetal.

Hospede-se em uma das opções:

Residence Park Hotel (19) 3893.2815

Pedreira Palace Hotel (19) 3893.2815

Hotel Pousada Nosso Canto (19) 3852.2507

Por Paula Cassandra


Jundiaí, próxima 60 km de São Paulo, oferece boas opções para um dia de lazer com a família. O Parque do Trabalhador, também conhecido por Parque Corrupira, é uma das opções. Possui estrutura para receber os visitantes com conforto, oferecendo quiosque com churrasqueira. O turista pode escolher também a área destinada aos piqueniques. Parte do espaço do parque é composto por mata nativa, área considerada reserva biológica de grande importância para a região.

O Jardim Botânico é outro atrativo natural de Jundaí. É formado principalmente pelos últimos remanescentes de Mata Atlântida do interior do Estado, situada na Serra do Japi. O local, além de turístico, é ponto de estudo de pesquisadores. Os visitantes podem conhecer as belíssimas trilhas, deliciosas cachoeiras e os fascinantes jardins temáticos.

Dicas de hospedagem:

  • Hotel Center Park (11) 4586.2000
  • Hotel Palace Jundiaí (11) 4521.9681
  • Intercity Express Jundiaí (11) 4581.4488

Créditos da Foto: Flikr

Paula Cassandra


São especialmente bonitas diversas igrejas da ex-capital do Brasil. A estética soma-se ao sentimento de sublime, pela força histórica e espiritual que encerram. E atraem milhares de turistas todos os dias ao centro do Rio de Janeiro.

Entre a sede da Petrobras, que é um prédio de cubos iluminados, e o bairro boêmio da Lapa, está a inusitada Catedral de São Sebastião, o padroeiro da cidade maravilhosa. A surpresa ao entrar chega a dar vertigem. Por fora um cone de concreto, por dentro são os mosaicos gigantes de vidro multicolorido, inclinados que chegam a provocar uma ilusão de ótica. Passam-se horas a decifrar sua arte. A bem posicionada escultura de São Francisco de Assis, obra de Humberto Cozzi, tem luz natural que emana do bairro de Santa Teresa e lhe dá caráter de glória. No subsolo da Catedral, inclusive, está o Museu de Arte Sacra do Rio de Janeiro, onde se vê, por exemplo, a fonte batismal dos príncipes da família real.

Karina Gonçalves


A clássica pergunta para quem aporta a antiga capital do país é: qual o melhor lugar para ir à noite no Rio de Janeiro? Durante o sol escaldante nas praias o bairro da Lapa, no centro da capital, fica de portas fechadas. Mas quando a lua toma conta do céu estrelado nos morros cariocas ele se transforma em uma das noites mais agitadas do Brasil e do mundo.

Além de receber milhares de turistas em busca de diversão, a Lapa guarda os maiores músicos da cultura nacional. Suas casas noturnas e bares abrigam festas de samba, choro, MPB, jazz, rock e bailes funk. Fica também na Lapa uma das melhores casas de shows há décadas: o Circo Voador. Para se localizar na balada há algumas ruas principais: Mem de Sá, Riachuelo, Escadaria Celeron e Rua dos Arcos (do famoso cartão postal ainda vivo, os Arcos da Lapa).

Karina Gonçalves


Para quem gosta de conhecer diferentes parques, Guarulhos, a 18 km de São Paulo, é um prato cheio. Na cidade, encontram-se diversas opções. O Parque Chico Mendes é uma fascinante área de importância ecológica. Oferece infraestrutura para os visitantes e opção de trilhas.

O Lago dos Patos é uma opção para o divertimento das crianças, com pedalinhos e parquinho, mas também encanta os adultos devido aos aparelhos de ginástica e o clima agradável. Já o Parque Novo Ipanema possui uma ótima piscina olímpica e outras duas infantis, todas abertas ao público.

O Parque Transguarulhense e o Parque Adriana são outros espaços que contam com infraestrutura para dar conforto aos turistas de Guarulhos. O Parque do Campo da Paz também é propício para quem deseja momentos de tranquilidade sem sair dos grandes centros urbanos.

Opções de hospedagem:

  • Ipê Guaru (11) 2195.8100
  • Hotel Fazenda Santa Helena (11) 3871.3081
  • Mercure Apartments (11) 2475.9988

(Foto: Flikr)

Paula Cassandra


O concurso anual promovido pelo Governo de Pernambuco para a concessão do título de “Patrimônios Vivos” a entidades e personalidades culturais do Estado divulgou os três vencedores do ano de 2009. Os ganhadores foram o Caboclinhos Canindé (Recife), o Maestro Nunes e o Maracatu Estrela Brilhante (Igarassu).

Agora, Pernambuco já tem 21 patrimônios vivos que, além do reconhecimento público, recebem uma subvenção mensal do Governo do Estado enquanto tiverem em atividade. Por sua vez, eles se comprometem a repassar às novas gerações os conhecimentos e ensinamentos de que dispõem.

A Lei do Patrimônio Vivo de Pernambuco foi proposta pelo então deputado estadual Raul Jean Louis Henry (PMDB) e sancionada no ano de 2002, pelo governador da época, Jarbas Vasconcelos (PMDB). A responsabilidade da escolha é do Conselho Estadual de Cultura.

Para conhecer todos os “Patrimônios Vivos de Pernambuco” acesse o site da Fundarpe: aqui.

Por: Alexandre de Souza Acioli





CONTINUE NAVEGANDO: