Confira aqui algumas dicas de passeios do que você deve conhecer em Barcelona.

Passear pelas ruas de Barcelona é realmente uma experiência única e você quer vivê-la ao máximo. Então acompanhe abaixo um roteiro para visitar Barcelona e curtir cada canto da cidade.

Roteiro básico de 3 dias

Se você tem apenas 3 dias para conhecer Barcelona, não tem problema, dá para cumprir um roteiro básico que abrange os principais atrativos da cidade.

Para não haver contratempos, entenda que Barcelona é super visitada e as atrações são bem concorridas. Você pode economizar tempo comprando ingressos com antecedência, evitando filas quilométricas e ainda recebendo desconto pela compra antecipada. Compre ingressos com uma semana de antecedência para Sagrada Família, Park Guell, Museu Picasso, La Pedrera, Camp Nou e Palau de La música Català.

Sobre o Barcelona Card

O Barcelona Card é um cartão de descontos oferecido pelo órgão de turismo oficial da cidade, o Barcelona Turisme. Ele inclui entrada livre para algumas atrações, transporte público e desconto em alguns atrativos. Mas não inclui o Park Guell e a Sagrada Família e os descontos não compensam tanto. Pode ser mais viável comprar ingressos antecipados para garantir desconto e comprar, assim que chegar, o cartão local de transporte. É mais vantajoso do que o Barcelona Card.

Roteiro de 3 dias

Primeiro dia

Com um roteiro básico dá para conhecer Rambla e o Bairro Gótico a pé. Caso chegue pela manhã na cidade, deixe a mala no hotel, guarde o dinheiro e o passaporte na doleira e vá direto ao centro histórico de Barcelona. É bom começar por Rambla, indo até o Mercado da Boqueria. Você pode almoçar no Mercado e tomar um delicioso sorvete na famosa Rocambolesc. Ou caso queira algo mais confortável, pode almoçar em algum restaurante lá no Bairro Gótico. No Bairro Gótico, conheça a Plaça de Sant Felip Neri, Plaça del Pi e Catedral de Barcelona.

Segundo Dia

Conheça a Basílica da Sagrada Família. É bom seguir o áudio guia para não deixar nenhum detalhe passar despercebido.

Depois pegue o metrô até a estação Passeig de Gràcia, caminhe por Passeig e almoce em um dos maravilhosos restaurantes pelos arredores.

Tire belíssimas fotos na Illa de la Discordia. A noite vá para tapas entre Sant Antoni e Poble-sec.

Terceiro dia

Born, Parque Guell e Barceloneta

Combine ônibus e metrô e vá ao Park Guell. Na estação Alfons X pegue o ônibus com destino ao Park Guell.

Pela manhã vá ao Eixo Monumental do Park e passeie pelos espaços verdes. Curta o tempo ao ar livre ou visite a Casa-Museu Gaudí.

Almoce em algum restaurante no Born, veja vitrines ou visite o Museu Picasso. Encerre a tarde a beira mar pegando o calçadão em La Barceloneta.

Caso tenha tempo extra, com 4 ou 5 dias disponíveis, você pode além de fazer o roteiro básico, acrescentar Montjuïc, passear com tranquilidade pelas ruas conhecendo de perto a cultura local, os bairros charmosos, a ruazinhas e lojas alternativas, os bares descolados e os restaurantes acolhedores.

Cuidados ao caminhar por Barcelona

Andar pelas ruas de Barcelona é uma delícia. A história está por toda parte e a animação dos bares e praças é contagiante.

Mas caminhar por ruelas e calçadas, requer alguns cuidados com os pertences.

Batedores de carteira são muito comuns em Barcelona. Aquele roubo que só notamos quando vamos pegar algum documento na carteira ou dinheiro.

Tenha bastante cuidado, principalmente ao caminhar no Bairro Gótico, em Rambla ou Mercado da Boqueria e no transporte público. Os batedores sempre agem em trio ou em dois, nos distraindo enquanto o outro rouba. Abaixo listamos medidas para você se proteger e não atrapalhar sua diversão.

  • Cuidado com o passaporte. Não o deixe na mochila, bolsa ou bolso. Leve tudo numa doleira ou deixe no cofre do hotel.

  • Não deixe a bolsa, celular ou sacolas expostas na mesa ou cadeiras dos restaurantes e bares.

  • Transpasse a mochila ou bolsa na frente quando estiver no transporte público.

  • Cuidado ao usar o celular na calçada.

  • Teste o cofre do hotel antes de deixar algo de valor nele. Veja se ele abre com o código programado pelo fabricante: 0000. Caso abra, leve tudo consigo em uma doleira.

Programe seu roteiro e divirta-se em Barcelona.

FABÍOLA CUNHA S DE MORAES


Veja aqui os melhores hotéis para se ficar em Barcelona.

Conhecida por ser uma cidade cosmopolita, Barcelona é um centro cultural importante no cenário europeu. Vai visitar Barcelona? Confira abaixo os melhores locais para se hospedar.

Hospedagem no Born

Direto da Idade Média, mas com a energia jovem, o Born é um bairro encantador. A região vem ganhando cada vez mais investimentos e visitantes nos últimos dez anos e podemos ver os restaurantes charmosos e hotéis- boutiques, disponibilizando mais lugares legais para se hospedar.

Duas grandes atrações de Barcelona estão nessa área: O Museu Picasso e o Palau de la Música Catalana, além de restaurantes e bares sempre convidativos.

A área do Born está cercada pelo Parc de la Ciutadella, o Eixample, a Barceloneta e o Bairro Gótico. Portanto, se hospedar nesse bairro é excelente para quem deseja conhecer Barcelona e não pretende alugar um carro. Dá para fazer tudo a pé e caso queira ir mais longe, tem 4 estações de metrô: Arc de Triomf , Urquinaona, Jaume e Barceloneta.

Se sua viagem não inclui crianças e você não se sente mais confortável ficando em albergues, no Born você pode se hospedar no REC Barcelona .Todos os dias algo diferente acontece no terraço: degustação de cervejas, aulas de coquetelaria, piscina, sempre com um DJ comandando o som.

Bem próximo ao Eixample, encontramos o Yurbban Passage instalado em um armazem textil antigo. A pegada é bem urbana e os quartos confortáveis e acolhedores. O spa tem piscina, sauna e produtos veganos.

Já o Yurbban Trafalgar têm tarifas menores e também não deve em nada em estilo e conforto ao hotel vizinho, mas não oferece spa.

Responsável por ajudar na repaginação do bairro, o Banys Orientals é ótimo para quem gosta de decoração clássica.

Entre o Bairro Gótico e o Born, está o H10 Montcada, perfeito para quem quer curtir o melhor dos dois bairros.

O Ciutat de Barcelona tem a vibe de pousada e está bem localizado no coração do Born. Vale a pena conferir.

Hospedagem no Eixample

Costumamos ver o Eixample e seus quarteirões no formato octogonal, por fotografias aéreas de Barcelona. É nesta área que esta situada a Sagrada Família e os famosos edifícios de Gaudí. A principal praça de Barcelona, a Plaza Catalunya, também fica neste bairro.

No Eixample, os melhores lugares para se hospedar são os bairros La Dreta de l'Eixample e L'Antiga Esquerra de l'Eixample.

Nessa região tem vários hotéis básicos e charmosos. Como o Ona Hotels MOsaic e o moderninho Sixtytwo.

Com muita personalidade, a rede de hotéis o Room Mate são inconfundíveis.

Hospedagem no Bairro Gótico

O mais turístico entre os bairros de Barcelona, também pode ser ótimo para se hospedar. Aqui a cidade de Barcelona nasceu, por isso o bairro Gótico une em sua cultura, diversas épocas distintas, sobressaindo a medieval,

Lojas de grife e marcas famosas, estão no Bairro Gótico e também há excelentes restaurantes.

Aqui, o hotel Barcelona Catedral pode ser uma ótima opção para se hospedar. Os quartos são confortáveis e o hotel possui academia, lobby charmoso e piscina.

Já o Catalonia Catedral tem quartos amplos e decoração que imita a Catedral.

Hotéis em Gràcia

Para quem gosta de ficar imersa na cultura local e vivenciar o cotidiano dos moradores, esse é o melhor bairro para se hospedar. Aqui também podemos encontrar hotéis mais em conta, podendo ficar até abaixo de 100 euros. A vida noturna do bairro é bem animada e existem bares e lojas alternativas bem interessantes. No Casa Gràcia, você pode se hospedar tendo uma cozinha privativa, dando maior independência e aquele gostinho de morar em Barcelona.

Você encontra na Gràcia o hotel La Casa del Sol, com decoração moderna e bem caprichada, com quartos banhados por luz natural.

Para economizar na hospedagem

Para pagar mais barato com hospedagem, você pode optar por ficar em um hostel. Os hostels são bem comuns na Espanha e funcionam, em sua maioria, no mesmo edifício de escritórios e apartamentos.

Em relação ao quarto, a experiência é quase a mesma de estar no hotel, a diferença é que tem menos serviços, como salão de café da manhã e recepção 24h. Dessa forma você fica bem localizado em Barcelona, pagando menos de 100 euros.

Listamos abaixo, alguns hostels charmosos, com banheiro privativo, ar condicionado e elevador.

  • No bairro Gótico, tem o The Moods e o Hostel Fernando.

  • No Eixample e o Born, as opções são Som Not Triomf perto na Passeig de Gràcia e o Hostel Goya e Hostel Argo.

Existem opções para todos os bolsos em Barcelona, é só escolher uma que caiba no bolso e curtir a cidade.

FABÍOLA CUNHA S DE MORAES


Confira aqui os melhores restaurantes para conhecer em Barcelona.

Arquitetura, culinária, prática de esportes, praia, sol, verão. Tudo isso você vai encontrar em Barcelona, capital da região da Catalunha, na Espanha. Mas se você é um amante da gastronomia e está indeciso sobre qual cidade visitar, este artigo vai clarear sua mente e te mostrar uma bela opção gastronômica.

O que são as tais de Tapas

Antes de falar dos preços vamos aos detalhes dos restaurantes. Em Barcelona, os restaurantes são uma atração à parte. Não estamos falando somente daqueles mais famosos com os melhores chefs da cidade. Até mesmo nos locais mais simples você encontrará belas tapas. Tapas são aperitivos que você pode degustar em bares e restaurantes. Muitos espanhóis substituem suas refeições tradicionais por uma “tapeada”. Pela sua função, as tapas lembram os salgados encontrados em lanchonetes pelo Brasil afora.

Como exemplos de tapas podemos citar as famosas Tortillas Españolas, Calamares a la Romana, Gambas al Ajillo (Camarão ao Alho), Croquetas de Jamón (croquetes de presunto) e as Banderillas (vários tipos de aperitivos no espeto).

Agora vamos aos preços

Comer em Barcelona pode ser considerado barato ou caro, depende do ponto de referência. Para alguém que é acostumado a comer nos restaurantes americanos, vai achar os preços de Barcelona altos. Porém, aqueles que estão acostumados com os preços dos restaurantes nas capitais da Europa (Londres, Paris, Roma, etc) vão achar os preços de Barcelona baixos. A parte boa é que você já pode sair de casa sabendo o quanto vai gastar: os restaurantes da cidade disponibilizam todo o cardápio e os preços no seu próprio site.

De forma geral você vai pagar os seguintes preços (por pessoa) em Barcelona (Preços para 2019):

  • Almoço executivo (daqueles que comemos de segunda a sexta-feira) – Entre 12 e 18 Euros
  • Tapas (aqueles aperitivos que falamos acima) – Entre 15 e 30 Euros
  • Jantar a la carte – Entre 20 e 40 Euros
  • Restaurante de alta gastronomia – Acima de 80 Euros

Gorjetas são bem-vindas?

Se você é acostumado (a) a deixar aqueles 15% a 20% de gorjeta, saiba que na Espanha as gorjetas não são esperadas e você pode deixar 10% de gorjeta quando for excepcionalmente bem atendido em um restaurante mais refinado.

Culinária por região da cidade

A culinária de Barcelona muda de acordo com a região e o bairro da cidade você está. Vamos dar alguns exemplos para que você monte a sua viagem da forma que mais se encaixa no seu gosto (e bolso):

EL BORN

Esse bairro é considerado um grande ponto gastronômico da capital da Catalunha. Esteja você onde estiver dentro desse bairro, você estará a menos de dez minutos de um bom pedido.

Bacanas

O restaurante Ginette de dia é um pequeno bistrô e à noite ele é um restaurante com pinta de bar. Mas tanto de dia quanto à noite o restaurante oferece comida francesa deliciosa. Abriu duas portas em 2017.

Tapas

Se você gostou da ideia das tapas espanholas e quer iniciar no mundo das tapas, seu endereço favorito em Barcelona será “Carrer de Montcada 2”. É nesse endereço que fica localizado o Bar del Pla. Nesse bar você poderá provar as mais clássicas tapas da Espanha, como as Patatas Bravas e outras típicas da região autônoma da Catalunha, como a Bomba.

Bebida? Vai de Cava!

Na opção da bebida você pode pedir uma cava, que é um vinho espumante produzido na própria região da Catalunha e reconhecido pela União Europeia como um vinho espumante de qualidade.

Quero Economizar! Vou ter onde comer?

Se você está reservando dinheiro para fazer outras coisas nessa cidade magnífica do Mediterrâneo, saiba que no endereço Plaça Victor Balaguer 5 você terá o que comer! Você encontrará opções de almoços bem servidos e com a beleza da culinária mediterrânea.

Boa viagem!

Por Bruno Rafael da Silva


A Americanas Viagens está oferecendo pacotes para Madrid, na Espanha, com preços a partir de R$1.589,33 por pessoa.

Neste valor estão inclusos passagens aéreas de ida e volta, mais cinco noites de hospedagem em quarto duplo standard.

A capital espanhola fica localizada no centro do país e é um importante pólo financeiro do sul europeu. Sua fundação foi feita como uma fortaleza pelos árabes, até ser ocupada em 1803 por Afonso VI. Tornou-se em 1561 a capital da corte e hoje é uma cidade moderna que preserva o seu patrimônio cultural e histórico.

Entre os lugares  para visitação estão o Museu do Prado, a Plaza Mayor, o Palácio Real e a Ópera, construções que fazem parte dos imponentes monumentos erguidos no local.

O Museu do Prado é riquíssimo em obras de arte, perdendo apenas para o Museu de Louvre, de Paris.Um lugar que impressiona pela beleza e grandiosidade de sua arquitetura, além de toda a história que as envolve.

Por Elizabeth Preático


Cerca de 40 minutos de carro (ou ônibus) da bela Madrid (na Espanha) há uma cidade medieval chamada Toledo, famosa por sua arte em ferro.

Não se sabe quantos anos possui a cidade, mas acredita-se que ela tenha mais de 800 anos.

Antes do século XV, na cidade conviviam muito bem judeus, árabes e cristãos. Com o avanço do cristianismo pela Europa a cidade foi forçada a ser apenas católica e hoje guarda monumentos que contam toda essa história.

A igreja Santa Maria La Blanca, por exemplo, era um antigo templo árabe que foi transformado em igreja e hoje é um museu muito interessante.

Andando pelas ruas de Toledo se respira história e se contempla belas paisagens.

A fábrica de artefatos em metais também não pode deixar de ser visitada, lá é possível ver e saber mais sobre como o trabalho artesanal em metais é feito até hoje.

Dicas de quem esteve lá.

Por Karin Földes


As Touradas na belíssima região da Catalunha sempre foram um atrativo a parte, se não o principal (em diversas ocasiões), para atrair os turistas. Agora a votação realizada pelo parlamento da região espanhola proíbe a partir de 2012 que a prática ou "esporte" continue a ser realizado.

Desde 2009 a população vem fazendo este apelo para acabar com essa atrocidade com os animais. Querendo ou não, a tourada é uma marca cultural presente na Espanha e na Catalunha a séculos, e os membros do parlamento são cautelosos com o fim da tradicional tourada. Segundo eles não será absolutamente TUDO banido, apenas as práticas mais cruéis.

Pelo sim e pelo não, se você não quer morrer sem ver uma autêntica tourada que tanto agradava a Hemingway corra pra Catalunha até 2012.

Por Victor Gonçalves


Um ambiente minimalista e apaixonante é o que se encontra em plena Sierra Mariola na Espanha, próximo a Valencia.

O Hotel Ferrero (Carretera Ontinyent – Villela, KM 16) do tenista Juan Carlos Ferrero, está instalado  em uma antiga construção do século 19 e possui 120 mil metros quadrados. Foi reformada de acordo com as diretrizes do arquiteto Luis Sendra. São somente 12 suítes. A metade delas com terraço exclusivo e banheiras jacuzzis. O restaurante foi inaugurado ano passado e tem um menu completo de acordo com a estação do ano e possui dois menus degustação.

A Espanha já é sensacional! Hotel Ferrero continua a tradição espanhola pela excelência. Simples assim!

Por Teresa Almeida


Se você está em Barcelona e quer conhecer melhor a cultura artística da cidade, as obras do espanhol Antoni Gaudí são pontos obrigatórios de visita para os turistas. Seu estilo distinto e construções diferentes chamam a atenção das pessoas que visitam suas criações. São vários os pontos com os toques de Gaudí que podem ser deslumbrados na cidade espanhola. Dentre eles estão Parc Guel e os postes que iluminam a Placa Reial e o Pla de Palaú.

No paseo de Gracia, 43, está localizada a Casa de Batló, a qual foi reformada por Gaudí no ano de 1906. Na praça Sagrada Família, encontramos a obra homônima que está em construção até os dias de hoje, onde o arquiteto trabalhou por quase 15 anos.  Na Casa Milá, conhecida como La Pedrera, além da curvilínea e rochosa construção, encontramos no último andar, um museu que contém informações sobre as obras de Gaudí.

Confira abaixo o vídeo com imagens das obras:

Por Oscar Ariel


A ilha de Formentera, na Espanha, é nada mais nada menos do que uma ilha dos sonhos. O lugar parece ser um cenário de filme, muito verde, águas cristalinas e natureza preservada são vistos por todos os lados.

No porto de Formentera o visitante pode fazer a opção de embarcar em um autocarro que o leve para conhecer a Ilha por um circuito curto ou circuito longo. O primeiro percorre menos lugares, mas destina mais tempo para os banhos nas praias e caminhadas; o segundo percorre um trecho mais longo, mas com passeios menos demorados.

Entre as opções da ilha, uma das que mais atrai turistas é a praia Platia de Illetes, tão bela que foi considerada pela Rede BBC como uma das praias mais lindas do mundo.

Por Rosana Radke


Vale a pena passar uns dias na cidade de Saragoça, na Espanha. A localização da cidade é privilegiada, ela fica entre Barcelona e Madri. Muita história e cultura espanhola esperam os visitantes em Saragoça, uma das mais antigas da Espanha.

Os prédios, casas, ruas e igrejas apesar de muito antigos encontram-se em bom estado de conservação. A parte velha da cidade tem mais de 2000 anos.

Os principais monumentos que merecem ser visitados são a Praça do Pilar, a Porta do Cármen, a Basílica do Pilar, o Palácio Aljafería e a Catedral. Além disso há muitos  museus, a maioria deles permite visitação gratuita ou por preços baixos.

Por Rosana Radke





CONTINUE NAVEGANDO: