Conhecida também como “Paris do Leste”, a cidade de Budapeste, capital da Hungria, é um excelente destino romântico para os casais apaixonados para o dia dos namorados que se aproxima. Repleta de encantadores cafés e confeitarias, belíssimas pontes e grandiosas edificações, a cidade é cortada ao meio pelo rio Danúbio, resultando em duas cidades diferentes que acabaram sendo unificadas.

No lado oeste fica Buda, que além de sediar um dos cartões-postais da cidade, o castelo, conta ainda com casas e edifícios históricos, além muitas referências culturais. O outro lado, chamado Peste, é onde reina o comércio e a agitada vida noturna tipicamente urbana.

Com as duas cidades unidas formando a belíssima Budapeste, a cidade passou a ostentar diversas edificações em art noveau. As termas e saunas da cidade também a permitem o apelido de “capital termal”. Há muito o que apreciar e visitar na cidade, além dos vários pontos turísticos ou simples passeios por suas belas ruas, existem também diversos festivais ocorrendo durante o ano, entre eles o Grande Prêmio de Hungria de Formula 1.

Por Juliete Lunkes


As pontes, monumentos, construções e o estilo das casas deixam a Hungria com certo espírito harmoniosa. A arquitetura barroca é muito vista pelas cidades do país. Também há muitas praças e espaços para o lazer.

Atualmente cerca de 10 milhões de pessoas vivem na Hungria, deste total, 2 milhões moram na capital: Budapeste. A capital da Hungria é romântica por natureza, Budapeste encanta pelas cores das casas, pelos parques, e principalmente pelo Rio Danúbio, que corta a cidade.

O visitante se surpreende em cada região da Hungria. Os museus, centros históricos e a cultura do povo, provenientes da Sibéria, encantam.

Por Rosana Radke





CONTINUE NAVEGANDO: