Confira aqui algumas dicas de Turismo em Ushuaia.

Ushuaia é uma cidade da Patagônia, localizada no arquipélago da Terra do Fogo, entre o Chile e a Argentina, sendo considerada a cidade mais austral do planeta.

É uma cidade sem nenhuma beleza, onde há tempos atrás, ninguém queria morar, porém, hoje, é um fim do mundo que possui bastante natureza que tem o poder de encantar os turistas.

Tem um museu, que já foi um presídio muito conhecido, que havia sido construído com a intenção de aumentar a população. Atualmente, todos que visitam a cidade, passam quase que obrigatoriamente pelo museu, que conta com diversas espécies de animais, como por exemplo: pássaros, lobos-marinhos e pinguins.

Para quem quer conhecer a cidade, vale a pena dispor de no mínimo 4 noites para ter tempo de conhecer os pontos principais do local.

Melhor época para viajar e o que fazer?

Se o turista preferir viajar no verão, poderá se encantar com o passeio feito no Parque Nacional Tierra del Fuego, onde irá caminhar na Ilha Martillo ao lado de pinguins e poderá ver os cormorões e os lobos-marinhos no Canal do Beagle, se fizer a navegação, esse passeio pelo parque poderá tomar 3 dias inteiros de viagem.

Caso tenha disponibilidade para ficar mais dias, ainda tem a chance de fazer outros passeios que são mais indicados para a época do verão, como por exemplo, trekking na Lagoa Esmeralda, passear pelo lago Fagnano e pelo lago Escondido e ainda, poderá ver toda a cidade do alto, com um encantador passeio de helicóptero.

Agora, caso o turista deseje viajar no inverno, com também 3 dias inteiros de viagem, poderá esquiar no Cerro Castor, brincar com quadriciclo, moto de neve ou então, com trenó puxados por cachorros, que fica localizado em um centro invernal e ainda pode fazer a navegação no Canal do Beagle para ver os cormorões e os lobos-marinhos.

A época do ano mais indicada para ir até lá é no verão, por não ser tão gelado e oportunizar a chance de mais passeios ao ar livre e é a época em que tem a temporada de pinguins na Ilha. Essa temporada vai do mês de outubro até o mês de março.

Agora se a intenção for mesmo de ver neve e de esquiar, curta Ushuaia na época do inverno e aproveite, pois a cidade conta com a maior temporada das estações de esqui da América do Sul.

Viajando tanto no verão, quanto no inverno, vale levar todo equipamento para neve e frio: luvas, cachecol, roupas térmicas, jaqueta com sistema corta-vento, casaco fleece, calçado impermeável e com sola antiderrapante, óculos, protetor solar e protetor labial.

Caso o turista não vá tão equipado e precise alugar alguma vestimenta, existem lojas no centro da cidade que aluga roupas para esquiar.

Onde ficar?

O melhor ponto para ficar em Ushuaia é realmente no Centro da cidade, e sempre mais próximo do porto turístico. Lá, o turista conseguirá informações a respeito do turismo e passeio pela cidade e pode passear por tudo a pé sem ter que enfrentar muitas ladeiras.

A avenida San Martín fica bem perto dessa localização e conta com um maravilhoso comércio e restaurantes que valem a pena conhecer.

Existem diversos hotéis, apart-hotel no centro e aqui iremos citar alguns:

  • Cilene del Faro

  • Tierra Del Fuego

  • Lenoxx

  • Hotel de Los Andes

  • Canal Beagle

  • Fueguino Hotel Patagónico

  • Los Naranjos

  • Alto Andino

Onde comer em Ushuaia?

O prato tradicional de Ushuaia são os frutos do mar e o que mais se procura por lá é o famoso centolla, que é um caranguejo enorme, encontrado nas águas geladas da Terra do Fogo. Diversos restaurantes localizados no centro da cidade, possuem aquários com esses caranguejos que são retirados na hora do pedido, bem fresquinhos.

Vamos listar alguns locais interessantes para se alimentar em Ushuaia:

  • El Viejo Marino

  • Maria LoLa Restó

  • Almaçén de Ramos Generales

  • Bodegón Fueguino

  • Ovejitas de La Patagonia

  • Dublin

  • Hard Rock Café

Por Carol Wurlitzer


Empresa aérea inicia operação no Brasil com voos custando cerca de R$ 1 mil.

A Norwegian, companhia norueguesa de baixo custo, está chegando ao Brasil e já traz grandes novidades. A empresa deve criar uma linha direta entre Londres e Rio de Janeiro pelo preço de 1 mil reais, a data de estreia é para 31 de março. Apenas para se ter uma ideia, atualmente uma passagem do Rio de Janeiro para Londres pela British Airways gira entorno de dois mil reais, o dobro do valor da companhia norueguesa.

Segundo o comunicado da empresa, a passagem individual em classe econômica custará £200, que atualmente é R$ 1.000, já na cabine Premium o valor será de aproximadamente £550, que atualmente é R$ 2.800. As reservas de passagens já estão sendo feita pelo site da empresa, que pode ser encontrado no seguinte link: www.norwegian.com/uk. Ao reservar as passagens o consumidor poderá escolher vários adicionais, as opções podem incluir reserva de poltrona, mais refeições a bordo, a quantidade de malas despachadas e seus pesos, esses serviços aumentam o valor final das passagens.

A empresa pretende com o tempo ir inaugurando mais linhas para destinos mais diversos. Nos planos da Norwegian estão destinos como as cidades de Málaga, pelo valor aproximado de US$ 301,50, Oslo pelo valor aproximado de US$ 300,40, Copenhague pelo valor aproximado de US$ 295,60, Estocolmo pelo valor aproximado de US$ 327,20, Madri pelo valor aproximado de US$ 314,40, todos esses destinos serão oferecidos a partir de voos com saída do Rio de Janeiro.

Segundo informado pela Norwegian, a rota entre Rio de Janeiro e Londres será operada às quartas, sextas-feiras, segundas e domingos. Os voos devem sair do Rio de Janeiro, às 22h25, com a chegada prevista às 13h35 ao aeroporto de Gatwick. Já a volta tem partida do mesmo aeroporto em Londres com horário previsto às 12h, chegando ao Rio de Janeiro por volta das 19h25.

Em agosto do ano passado a ANAC, Agência Nacional de Aviação Civil, autorizou que a Norwegian Air funcionasse no Brasil. Segundo o CEO do grupo, Bjorn Kjos, o objetivo da empresa é quebrar os monopólios dos voos diretos entre o Reino Unido e o Brasil, sendo que ele tem o compromisso de reduzir os preços das tarifas e tornar as viagens mais acessíveis para viajantes de negócios e todos os tipos de turistas. Grupo Norwegian ocupa a terceira posição entre as maiores companhias aéreas europeias de baixo custo.

Companhias Aéreas de Baixo Custo

As empresas de baixo custo estão começando a funcionar no Brasil e na América Latina como um todo. Em novembro, a chilena Sky Airlines começou a oferecer voos de baixo custo entre Santigo do Chile e destinos no Brasil, como o aeroporto do Galeão no Rio de Janeiro, São Paulo e Florianópolis, em uma quantidade bem razoável.

Essa modalidade de viagem, que só está começando por aqui, já é muito comum e popular nos Estados Unidos e na Europa. Para reduzir custos a empresas diminuem os serviços oferecidos a bordo, como franquia de bagagem, refeições e entretenimento a bordo. Além disso, em muitos locais, essas empresas Lowcost procuram utilizar aeroportos menores ou secundários, assim conseguem reduzir custos e praticar preços mais baixos.

Sobre a Norwegian

A Norwegian Air Shuttle foi fundada em 1993 com sede em Oslo, na Noruega. A empresa conta com um total de 154 aeronaves, dos seguintes modelos: Airbus A321LR, Boeing 737-800, Boeing 737 MAX 8, Boeing 787-800, Boeing 787-900, esse último que deve ser utilizado nos voos no Brasil. A empresa atualmente administra mais de 500 rotas contemplando mais de 150 destinos ao redor do mundo.

A Norwegian basicamente vende apenas a viagem, todos os serviços extras devem ser comprados separadamente, mas os serviços como refeição e entretenimento abordo são de ótima qualidade. Os preços são acessíveis, os aviões contam com Wi-Fi e TV ao vivo por cinco euros, por exemplo.

Gabriel Bem


Confira aqui algumas dicas de viagem para quem está pensando em conhecer o Mar Morto.

Alguns anos atrás os brasileiros quando saíam de férias para outros países tinham determinados destinos já definidos como os Estados Unidos ou países da Europa. Mas, a verdade é que de algum tempo para cá, os brasileiros estão interessados em conhecer outras regiões em diferentes continentes. E, no texto de hoje, vão ser apresentadas algumas informações sobre um local de tirar o fôlego, trata-se do Mar Morto. Se você tem interesse em saber alguns pontos específicos sobre esse lugar, não deixe de conferir as informações abaixo. Quem sabe o Mar Morto não se torna o destino da sua próxima viagem, não é mesmo?

Explicações iniciais sobre o lugar e qual a melhor época para conhecer o Mar Morto?

Muitas pessoas não sabem sobre as principais informações acerca do Mar Morto. Por exemplo, você sabia que ele ocupa o espaço de três países diferentes? Sim, é possível encontrar extensões do lago em Israel, Palestina (Cisjordânia) e Jordânia. Você deve estar pensando que eu escrevi errado quando coloquei a palavra “lago”. Não está errado. O Mar Morto na verdade é um lago com mais de 600 metros de extensão.

Outro ponto que precisa ser mencionado é sobre a denominação desse espaço. O nome é dado, pois nenhuma criatura seja animal ou vegetal consegue se manter viva em contato prolongado com as águas do Mar Morto. Uma vez, que a quantidade de sal é extremamente alta. Por exemplo, para as pessoas que se banham no rio, é recomendado um contato de menos de 15 minutos. O que faz bem para a estética humana, na verdade, é a lama que fica no fundo do lago. Uma vez que esse composto possui muitos minerais que atuam diretamente sobre a pele, causando rejuvenescimento, firmeza, brilho, cura de doenças, dentre outros, segundo relatos das pessoas que já usaram esse produto natural.

Já sobre a melhor época do ano para visitar o Mar Morto, pode-se falar que é entre os meses de maio e junho. Pois, as temperaturas estão mais agradáveis e também é nessa época que acontece o Ramadã. E com isso, os pontos das praias que formam o Mar Morto vão estar mais vazios. Com isso, você pode ter mais liberdade para aproveitar melhor a viagem. Caso você não consiga a primeira opção, uma segunda recomendação é entre os meses de setembro a novembro, pois é um período mais tranquilo e que a temperatura também está boa.

A respeito da hospedagem no Mar Morto

Como é um lugar de grande visitação, o que não faltam são opções para se hospedar. Se você busca por lugares com mais luxo, busque pelos resorts. Três alternativas que atendem todas as necessidades são: “Holiday Inn Resort Dead Sea” (Jordânia); “The Orchid Hotel and Resort Eilat” (Israel) e “Millennium Palestine Ramallah” (Palestina).

Mas, também existem outras opções de lugares mais baratos, como os tão conhecidos hostels. Ainda existe a alternativa de alugar quartos em pensões, procurar por albergues. A grande dica é sempre procurar por lugares que tendem a mostrar que são de confiança. Por isso, faça uma busca minuciosa. Procure por registros, fotos, entre em contato com o proprietário. E sempre deixe alguém amigo ou familiar avisado sobre o lugar em que você se encontra. Uma boa dica também que precisa ser mencionada é viajar acompanhado, isso também pode fazer com que as despesas diminuam e também a segurança pode ser reforçada.

Sobre a alimentação, dicas de restaurantes

A culinária árabe é uma das mais apreciadas no mundo e isso não é nenhuma novidade. Com isso, não se preocupe que você vai ter uma experiência muito boa em relação à parte de alimentação na região do Mar Morto. Para as comidas típicas viste: o “Haret Jdoudna” ou o “Burj Al Hamam”. Essa última opção também traz pratos vegetarianos.

Já para quem gosta de pratos de outras localidades, uma dica é conhecer o “El Grito Latino Americano”. Ainda têm-se opções mais específicas para comer hambúrguer ou pizza, por exemplo. Basta se informar. Além disso, os hoteis costumam oferecer refeições. Por isso, também vale levar essa opção em consideração.

Essas foram às principais dicas sobre o Mar Morto. Espero que elas te ajudem a começar a planejar uma viagem para esse lugar esplêndido.

Isabela Castro.


Confira aqui a lista com os melhores restaurantes para se conhecer em Tóquio, no Japão.

A cidade de Tóquio é conhecida como um famoso polo gastronômico, possuindo uma diversidade de alimentos e uma variedade enorme de restaurantes e bares com um nível altíssimo, onde é até difícil realizar uma reserva de última hora. Para restaurantes mais badalados e mais disputados, a reserva deverá ser feita com até seis meses antes da data que irá comparecer.

Mesmo com esses contratempos devido a reservas, Tóquio é sim uma opção mais que tentadora para apreciadores de boas comidas e também, de boas bebidas.

Uma boa dica é que vale a pena realmente experimentar as comidas de lugares que não são considerados “tão chiques assim”, pois o que para as pessoas de lá pode ser algo bem simples, para nós brasileiros pode acabar sendo uma refeição maravilhosa.

Vamos listar, então, os 10 lugares que vale muito a pena conhecer na cidade de Tóquio:

1- Sushi Shin:

Apesar de ser um lugar muito simples, é um restaurante que serve um sushi delicioso e com o diferencial de possuir um preço com valores bem mais em conta.

Site do restaurante: 1shin-sushishin.com.jp

2- High Five:

Bar comandado pelo barman Hidetsugu Ueno, uma figura icônica que trabalha sempre com o seu conhecido figurino produzido com suspensórios e um topete imitando o Elvis Presley. Ele é uma figura muito reconhecida pelo seu talento e recebe muitas críticas positivas dos rankings e guias do Japão, como sendo o melhor barman de lá. O mais interessante nesse bar e o que acaba sendo um espetáculo à parte, é o fato deles não possuírem um cardápio pronto, todas as refeições são feitas na hora, de forma personalizada e sob medida para cada cliente.

Site do bar: barhighfive.com

3- Ikyourkutei:

O restaurante fica localizado em uma pequena rua muito agradável, com um clima delicioso. Pelo fato de ser um restaurante mais badalado, tem que se chegar cedo ou então, terá de enfrentar uma fila de espera.

Os pratos mais famosos deles e considerados como cartão de visita são:

• Tendão de boi;

• Soba: que é um macarrão de trigo sacarreno, feito de maneira artesanal;

• Tempurás

Site do restaurante: kyourakutei.com

4- Sakurai Tea:

Uma casa de chá badaladíssima e com chás super diferentes, que são servidos em forma de encenação teatral, trazendo todo um encanto especial para o local. Lá você experimentará chás variados, que são servidos acompanhados com comidas deliciosas que são feitas especialmente, tudo isso acaba sendo uma experiência sem igual.

Site de casa de chá: saakurai-tea.jp

5- Kondo:

É um restaurante especializado em tempurás. Apesar de ser um restaurante bem pequeno e singelo, é um ambiente muito disputado, tendo em vista a qualidade dos seus tempurás, que são feitos nos mais diversos sabores, com ingredientes muito diferentes dos habituais e com sabores inimagináveis.

O restaurante não possui site.

6- Florilège:

O local é incrível. A equipe é comandada pelo chef Hiroyasu Kawate e o ambiente possui um salão escuro e também um balcão, onde comportam 16 pessoas, que ficam a experimentar e apreciar as comidinhas preparadas pela equipe do famoso chef.

Site do restaurante: aoyama-florilege.jp

7- Sushi Ya:

É um restaurante bem caro e muito difícil de se conseguir uma reserva, mas caso consiga, vale muito a pena. O ambiente possui um balcão e apenas 8 lugares, onde o sushiman Takao Ishiyama faz incríveis sushis, que são preparados de forma especiais e oferecidos um de cada vez, se tornando uma inacreditável degustação.

O restaurante não possui site.

8- Ichiran:

É uma rede de refeições e que talvez os brasileiros não tenham visto nunca alguma coisa semelhante. O cliente faz o pedido por uma máquina e fica esperando a sua vez. Então, o cliente é encaminhado para um espaço pequeno, um cubículo individual que se separa da cozinha, apenas por uma cortina e ali, ele é servido. Vale a pena experimentar o ramen que eles fazem.

O site do restaurante é: en.ichiran.com

9- Mercado Tsukiji:

É um mercadão mundialmente famoso, possui ótimos sushis, com preços baratíssimos. Caso vá na madrugada, poderá ver os atuns gigantes cinematográficos, porém, se for pela parte da manhã, você consegue passear melhor pelas lojas, comprar diversas coisinhas e degustar deliciosos sushis.

O site do mercadão: tsukiji-market.or.jp

10- Den:

O restaurante possui um ambiente bem despojado e é comandado pelo chef Zaiyu Hasegawa, que é um apaixonado do território brasileiro e uma pessoa muito simpática, oferece pratos de alta criatividade e qualidade.

Site do restaurante: jimbochoden.com

Por Carol Wurlitzer


Confira aqui algumas dicas de restaurantes românticos pelo mundo 2019.

Não tem nada melhor no mundo que um jantar romântico em uma viagem de casal. Em diversos lugares existem restaurantes maravilhosos, com ambiente encantador para casais apaixonados, a meia luz e com paisagens que se tornam um evento encantador.

Você terminar um passeio com um jantar romântico é a forma mais bonita de expor o seu amor pela pessoa, pois ele tem a capacidade de marcar aquele momento e, sem contar, que ele tem o poder de dar um “up” no relacionamento.

Segue uma lista de alguns restaurantes românticos pelo mundo:

1- Samabe Cave Dining:

Fica localizado em uma gruta, na frente da praia de Nusa Dua, na ilha de Bali, na Indonésia e é ofertado aos clientes hospedados no Resort Samabe Bali Suites & Vilas. A ilha, por si só, já é um espetáculo à parte, com uma vista maravilhosa e oferece aos casais, a possibilidade de apreciar jantares românticos, daqueles vistos em cenas de filmes, com o pé na areia, com muitas velas espalhadas, com pétalas de rosas espelhadas pela mesa do casal e ainda, com a possibilidade de se presenciar um espetáculo pirotécnico que acontece na praia. Esse pacote oferecido pelo Resort custa o valor de US$ 260 por casal.

2- Treepod Dining:

Fica localizado na ilha de Koh Kood, na Tailândia e é ofertado aos clientes do Resort Soneva Kiri. O jantar acontece em uma estrutura feita de bambu e madeira, em cima de uma árvore, tendo como fundo, uma encantadora vista total da floresta da ilha e do mar. O ambiente é completamente hospitaleiro e a refeição sobe até o casal através de uma tirolesa montada até a cabana, o que acaba trazendo mais charme ainda ao jantar. Preço a consultar.

3- Sierra Mar Restaurant:

Fica localizado na região de Big Sur, no litoral da Califórnia, nos EUA e o restaurante é integrante do Resort Post Ranch Inn, oferecendo aos casais clientes uma vista digna de um jantar romântico, com janelas panorâmicas abertas para nada mais, nada menos que o oceano pacífico, que pode ficar ainda mais apaixonante na hora em que o sol se põe, possui ainda um telescópio, que proporciona uma linda vista do céu de estrelas. O estabelecimento declara possuir mais de 14 mil garrafas de vinho, sendo considerada uma das maiores adegas localizadas na América do Norte. O menu degustação que o restaurante oferece é composto por quatro pratos e tem o valor de US$ 125 por cada pessoa.

4- Grota Palazzese:

Fica localizado no Polignano a Mare, no litoral da região italiana da Puglia, na Itália e também oferece a possibilidade aos casais de fazerem as refeições, no interior de uma gruta, com uma iluminação ambiente, proporcionando um clima super romântico. O restaurante ainda possui mesas localizadas em uma varanda, acima das águas do mar adriático. O estabelecimento tem como pratos principais as massas italianas e também os pratos que são feitos com frutos do mar, e, garante que acontecem eventos naquele local, desde o século XVIII. O menu degustação que o restaurante oferece é composto por quatro pratos e tem o valor de 180 euros por cada pessoa.

5- La Pergola:

Fica localizado em Roma, na Itália. Roma já é uma cidade conhecida por todo o seu romantismo e acaba sendo uma cidade muito procurada pelos casais apaixonados. O restaurante possui uma parte interna muito sofisticada e proporciona ainda um terraço encantador, com uma linda vista e que oferece uma imagem perfeita da cidade, ficando ainda mais maravilhoso no cair da noite, o local é ideal para um jantar romântico e oferece ainda, um cardápio com diversos pratos diferentes, que são assinados pelo chef Heinz Beck, e possui pratos com valores de 70 euros.

6- The Kitchen at The Dunlavy:

Fica localizado no Buffalo Bayou Park, em Houston, nos EUA. O local é uma área verde linda, e é considerada um dos cartões postais da cidade. O restaurante tem um ótimo ambiente com decorações de enormes lustres e janelas por todos os lados, que permitem uma linda vista com muitas árvores por todos os lados. O estabelecimento funciona das 7h da manhã até às 14h da tarde, sendo ideal para o almoço romântico, pois normalmente a noite o restaurante fecha para festas particulares. Preços sob consulta.

7- Pimms:

Fica localizado em Maundays Bay, em Anguilla, no Caribe, faz parte do Resort Belmond Cap Juluca e possui uma arquitetura com arcos onde proporciona ao casal, uma vista integral do mar. Traz um clima bem romântico, com luz ambiente e o cardápio do restaurante possui muitas comidas feitas com frutos do mar. Os pratos custam cerca de US$62.

8- Tour d’Argent:

Fica localizado no rio Sena, em Paris, na França e proporciona aos casais a possibilidade de se ter tanto um almoço, quanto um jantar romântico, comendo muito bem, em um ambiente de alto padrão que oferece muito requinte e com vista cartões postais de Paris. Os pratos custam cerca de 89 euros.

9- Liolà:

Fica localizado no alto de uma falésia, na Sicília, Itália e faz parte do Verdura Resort. O restaurante tem um terraço que proporciona uma linda vista dos clientes para o mar mediterrâneo, ficando ainda mais lindo quando o sol se põe. O cardápio oferece muitas receitas italianas, bem como vinhos feitos na Sicília. Os pratos custam cerca de 18 euros.

10- La Palapa by Eden Roc:

Fica localizado no balneário do Caribe, em Punta Cana, na República Dominicana e proporciona aos casais uma linda vista para o mar do Caribe e tem um ótimo ambiente com requinte e descontração. No cardápio tem uma variedade de refeições com peixes e frutos do mar. Os pratos custam cerca de US$ 30 dólares.

Por Carol Wurlitzer





CONTINUE NAVEGANDO: