Flexibilização de regras para viajar ao Chile

Chile adotou novas medidas de flexibilização para turistas entrarem no país. Confira o que mudou.

Se você ama viajar e quer conhecer o Chile, então aqui está uma excelente notícia para você! Novas medidas de flexibilizaçãoforam adotadas para entrar no Chile. Venha entender melhor o que será feito para você já ir se preparando.

Em setembro as regras sobre a flexibilização sanitária do Chile vão entrar em vigor, permitindo a entrada de turistas.

O Chile foi um dos países que aderiu uma política sanitária mais rígida para entrada de turistas, por causa da pandemia do coronavírus. Contudo, como agora está tendo uma diminuição nos casos, o país irá flexibilizar um pouco.

Com isso, antes você só conseguiria entrar no país caso tivesse a " Declaração Juramentada para Viajantes" e agora só será necessário o comprovante de vacinação. Sendo assim, é notório a importância de tomar a vacina, ela é essencial para o controle da pandemia.

Vale lembrar, ainda, que não será mais necessário homologar o comprovante de vacina, que antes era obrigatório.

Para turistas que não estão vacinados e são maiores de 18 anos:

  • Realizar o teste PCR

  • Ter resultado negativo

  • Não excedendo 48 horas antes de ir para o Chile

Para turistas menores de 18 anos:

  • Não será exigido protocolo em relação da covid-19 para entrar no país

Agora ficou bem mais fácil ir para o Chile, um país extraordinário que apresenta pontos turísticos incríveis, como, por exemplo, o Vale da Lua.

E pensando em pontos turísticos, um dos principais é a Ilha de Páscoa, tal que mesmo com a flexibilização das regras, será necessário fazer um teste de PCR com um tempo de 24 horas antes de ir para o local.

É válido ressaltar que as regras anteriores para entrar no país permanecem até 31 de agosto de 2022, então é importante se planejar caso você precise ir nessa data ou antes.

Podemos observar que mesmo com a flexibilização o país ainda se preocupa com as questões sanitárias, que consequentemente iria acarretar problemas para sua população.

E para deixar tudo bem resumido, para ir ao Chile em setembro, só será necessário apresentar o comprovante de vacinação, ou seja, é necessário que você esteja vacinado, então se você deseja ir visitar esse país, procure o local ideal para tomar à vacina, se possível todas as doses que estão disponíveis para sua faixa etária. É importante lembrar que a pandemia não acabou, e que é preciso ter os devidos cuidados para que não ocorra outro surto de covid-19, por isso pense em você, nos seus familiares e nas outras pessoas.

Próximo Post

Não há mais posts

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.