Onde Ficar em Madri – Melhores Hotéis





Confira aqui os melhores hotéis para ficar hospedado em Madri.

Muitas pessoas que pensam em visitar Madrid têm dúvidas de qual local é melhor para se hospedar. Tendo isso em vista, reunimos abaixo algumas dicas de hospedagem para aqueles que pretendem se hospedar na capital da Espanha.

A cidade de Madrid oferece uma grande variedade de números de bairros bons para hospedagem. Para isso, basta apenas achar aquele que você se identifica mais. Vale ressaltar que há os bairros mais agitados, outros mais alternativos e os que oferecem aos turistas um verdadeiro descanso. A melhor parte de tudo isso é que é possível achar hotéis com custos mais acessíveis, até mesmo nos pontos onde há maior movimentação e opções de entretenimento.




Grande parte dos brasileiros que visitam Madrid, a capital da Espanha, conseguem realizar uma grande economia ao fazer a troca do tradicional hotel por um hostel. É importante salientar a diferença entre os hotels, que são na prática, albergues, já que muitas pessoas acabam se confundindo. A maior diferença entre essas duas modalidades de hospedagem, se dá especialmente pelo fato de os quartos e os banheiros serem de uso coletivo. Dessa forma, as tarifas são supereconômicas.

Sendo assim, para quem não sabe, o hostel funciona como uma pousada urbana, oferecendo alguns serviços mais enxutos ao funcionar em prédios compartilhados. Com isso, além do funcionamento de um hostel, no mesmo edifício funcionam tanto escritórios quanto apartamentos residenciais.


É válido destacar que em Madri, os melhores hostels possuem quartos com decoração charmosa, TV, aquecedor e ar-condicionado. Além disso, em cada quarto há um banheiro, com o intuito de garantir maior privacidade aos hóspedes. E não se pode esquecer que os prédios contam com elevador. Dessa forma, quem optar pela hospedagem em um hostel, vai abrir mão do café da manhã, serviço de quarto, maleteiro e o convívio nas áreas sociais e são desses serviços básicos que vem a economia.

Vale destacar que alguns hotels não oferecem serviço de recepção 24 horas, por isso, em casos assim, o hóspede recebe a própria chave para entrar e sair do edifício no momento em que bem entender. Em outros casos, aconselha-se a não esperar que tenha um frigobar no quarto, no entanto, muitos hotéis mais econômicos também não disponibilizam esse eletrodoméstico.

Sabe-se que os melhores bairros de Madrid, no quesito hospedagem, possuem hostels que conseguem conciliar conforto a economia. Desse modo, ao procurar por diárias de no máximo 90 euros em um quarto duplo, é possível fazer uma grande economia se comparar aos hotéis que ofertam serviços básicos.

Quando se vai avaliar o quesito custo/benefício, os favoritos entre o público são o Woohoo Suites, em Malasaña, assim como o Woohoo Rooms, localizado em Chueca. Os dois localizam-se em prédicos que contam com recepção 24 horas, além de elevados. Somado a isso, o benefício é que ficam em endereços estratégicos, oferecendo praticidade tanto para aqueles que querem fazer compras no centro durante o dia, quanto para aqueles que decidem curtir a noite nas baladas. Durante a matéria, encontramos durante as pesquisas algumas tarifas não-reembolsáveis que custam até 49 euros.

O hotel Go Inn Madrid também é bastante procurado por turistas brasileiros, uma vez que fica bem próximo da Gran Vía, assim como de sua estação de metrô, localizada no bairro de Sol. Para melhorar, também fica bem perto de bairros como Mansalaña e Chueca. É um lugar bem cuidado que apresenta inúmeros benefícios, tais como: serviço de elevador, recepção 24 horas, além de possuir o convênio com uma cafeteria vizinha para café da manhã dos hóspedes.

Apesar de ser novo, nos últimos meses quem está ganhando o coração do público que visita a capital é o Guestped, localizado no centro de Sol. Por ser um hostel recém-inaugurado, possui uma arquitetura clean, o que dá um charme bastante jovenzinho. Desse modo, além de possuir elevador, oferece um serviço de empréstimo tanto de violão quanto de livros.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *