Uma ilha cuja extensão é de 30 quilômetros, possui uma costa litorânea com praias intocadas e areias brancas, é considerada a mais belas de todas. Esse lugar paradisíaco é Aruba.

Aruba possui um clima de verão o ano todo; os meses de janeiro, fevereiro e março são de alta temporada, a ilha fica mais tranquila entre abril e setembro.

Além das praias, Aruba também oferece outros atrativos, como as cavernas Andicuri e Dos Palya, o antigo farol Califórnia, as ruínas de ouro em Bushiribana e Balashi, o Parque Nacional Arikok, a Fazenda de Avestruzes, Santuário dos Burros (uma associação que cuida dos burros que foram meio de transporte), Santuário de Pássaros Bubali, Museo de Ferromodelismo, Museo Histórico, Museo Numismático (exibe as primeiras moedas de Aruba), entre outros.

Além da parte histórica, para quem gosta de esportes aquáticos, a ilha está repleta de atividades: pesca em águas profundas, caiaque, sea trek, mergulho, submarino atlantis (são 2 horas a bordo de um submarino) e  windsurf.

Dicas de onde se hospedar:

– Amsterdam Manor Beach Resort : www.amsterdammanor.com;

– Aruba Marriot Resort & Stellaris Casino: www.marriott.com.br;

– Boardwalk Boutique Hotel Aruba: www.arubaboardwalk.com;

– Brickell Baú Hotel: www.brickellbayaruba.com;

– Bucuti Beach resort: www.bucuti.com;

– Divi Aruba Phoenix Beach Resort: www.diviphoenix.com.

Por Viviane Lima


Pegue um mapa e observe o continente africano, do lado direito tem um pedacinho de terra, um pequenino um arquipélago chamado Saint-Denis, ao seu lado encontram-se as Ilhas de Maurício. Localizadas no Oceano Índico, são paraísos dignos de livros de aventura.

Também é conhecida como Ilhas Maurício, é um país constituído pelas Ilhas Mascarenhas, Ilha Mauricía e Rodrigues, e por mais dois arquipélagos situados ao norte: Ilhas Cargados Carajos e Agalega. O arquipélago foi formado por uma erupção vulcânica há mais ou menos uns 8 milhões de anos atrás, porém dizem que não há nenhuma atividade vulcânica ativa atualmente.

O local é coberto de areias brancas, rochas e recifes de corais, e também por praias desérticas. É uma ótima opção para passar a lua-de-mel, e também para quem gosta de mergulhos e esportes aquáticos.

A gastronomia é um emaranhado de culturas: francesa, indiana, chinesa e a crioula (essa última predomina). A língua oficial é o inglês, porém o francês também é usado, pois é uma língua cultural e muito falada na região.

O Hotel Casuarina, localizado a 18 km da capital, Trou Aux Biches, é uma ótima opção para os turistas. Possui 3 estrelas com meia-pensão e fica de frente para praia. Tem piscina, SPA, um clubinho para crianças e também kaiak, windsurf e ski náutico. Esse tipo de serviço é considerado normal em quase todos os hotéis e ficam à disposição do hóspede.

A dica de passeio é conhecer o Jardim Pamplemousse, repleto de árvores e flores. Porém, um show especial fica por conta das tartarugas gigantes, e não estou falando das que vivem na água e sim na terra,  elas tem 1m de comprimento e pesam aproximadamente 200 kg.

Outras opções de hotéis: Merville Beach (3 estrelas); La Palmeraie (4 estrelas); Heritage Golf & SPA (5 estrelas); Hotel Grand Mauritian (5 estrelas) e The Residence (5 estrelas).

Por Viviane Lima


Se você está procurando um bom lugar pra visitar no feriado, o Delta do Parnaíba no Estado do Piauí, é uma boa pedida. Como poucos lugares no mundo, o local apresenta uma rica diversidade de ecossistemas, o que projeta ao Delta belas paisagens.

Dentre dunas, ilhas e águas, são mais de 2.500 quilômetros quadrados de extensão. Durante todo seu percurso encontramos gigantes dunas de até 40 metros, além de lagoas que se assemelham aos Lençóis Maranhenses.

Para conhecer os arredores do Delta, os passeios de barcos são a opção para os turistas. Divididos em alguns circuitos, são percorridos caminhos como os conhecidos Igaraçu, Caju, Igarapé, Melancieira, dos Periquitos entre outros.

Nas mais de 70 ilhas podemos encontrar inúmeros tipos de plantas e animais.  Na terra e na água , aves, jacarés, peixes-boi, fazem o show a parte. A gastronomia também é um ponto forte do local, nas margens do rio Igaraçu encontramos delicias feitas com frutos do mar.

Por Oscar Ariel





CONTINUE NAVEGANDO: