A Bahia é sempre lembrada pelo seu calor, agitação, praias e badalação. Mas, por lá também dá para praticar rapel. Por causa de seu terreno acidentado e incidência de montanhas e cavernas em toda a Bahia, o esporte é muito comum na região.

A Costa do Cacau, com suas inúmeras praias, rios e cachoeiras em espaços preservados da Mata Atlântica, auxiliam na prática do cascading, que usa as mesmas técnicas do rapel para descer as quedas d'água. Perfeita para os aventureiros de plantão, a Cachoeira do Véu de Noiva conta com o maior salto da região, com 40 metros de altura. Mas, para chegar lá, é necessário percorrer uma hora de barco e depois caminhar em uma trilha por 40 minutos.

A Costa do Dendê também oferece queda d'água para os esportistas mais experientes. A região de Paulo Afonso é um lugar impressionante para os apaixonados pela natureza e pelos esportes radicais.

Por Layal Antanios


Depois que o coronel Percy Fawcet explorou a Serra do Roncador em busca da cidade perdida de Atlântida, o local se tornou ponto turístico de brasileiros e pessoas do mundo afora. 

Mitos e estórias à parte, a Serra do Roncador apresenta várias áreas muito interessantes para serem visitadas. Desde cientistas até Aventureiros são atraídos pelas ruínas arqueológicas, vulcões extintos, fósseis de animais pré-históricos e lagoas que encantam a Serra.

A região que é conhecida mundialmente como um santuário metafísico, ainda é pouco explorada pelo homem. Pessoas que procuram um local para caminhadas, pratica de esportes de aventura e o ecoturismo, encontram na Serra do Roncador um lugar ideal.

Ela está localizada no Mato Grosso, e com mil quilômetros de extensão,dentre cannyons, grutas,cavernas etc, se estende até o Estado do Pará. O parapente também é um dos esportes praticados pelos turistas, as rampas de vôo livre do local são consideradas uma das melhores.

Confira abaixo uma matéria interessante sobre a Serra:

Por Oscar Ariel


Pirapora do Bom Jesus, próxima 61 km de São Paulo, conta com o Morro do Capuava, onde um complexo esportivo convida os visitantes a diferentes modalidades de esporte de aventura. O turista pode escolher entre o motocross, os voos de asa delta e outros.

Além de muita aventura, Pirapora oferece opções para os apreciadores do turismo religioso. A Fonte dos Milagres é uma delas, localizada na Praça do Encontro, conta com a imagem do padroeiro da cidade. A fonte é uma maneira de simbolizar as graças alcançadas pelas pessoas que vão até o município.

Já o Portal dos Romeiros é uma homenagem aos que vão à Pirapora. O portal é uma construção de com peças em bronze e a uma grandiosa imagem do Senhor Bom Jesus, com mais de 3 metros de altura.

Hospede-sem:

  • Pousada do Lago (11) 4131.1677
  • Hotel Cirino (11) 4131.1235
  • Hotel Bom Jesus (11) 4131.1539

Por Paula Cassandra


Ilhabela, a 210 km de São Paulo, possui belíssimos atrativos naturais, entre eles, fantásticas cachoeiras. Destaca-se a Cachoeira da Escada, com um trajeto repleto de exuberante vegetação e rochas. Os seus poços são deliciosos e a areia é ideal para o descanso.

A Cachoeira da Lage é composta de diversas quedas d’água, algumas parecem tobogãs e outras são relaxantes piscinas. Uma trilha, seguindo o curso da cachoeira, leva até o mar. Já a Cachoeira da Toca é propícia para quem gostar de fazer caminhadas ecológicas, é possível acampar e se refrescar nas duchas naturais.

Uma das cachoeira mais altas é a do Gato, com 70 metros de altura, está em meio à Mata Atlântica. Para chegar à queda, trilha-se um caminho pouca acessível, ótimo para os apaixonados por aventura em meio a inesquecíveis paisagens.

Pouse em:

Pousada Carolina (12) 3896.1603

Hotel Vilamar (12) 3896.2622

Pousada Isola Bella (12) 3896.2622

Paula Cassandra


Para quem deseja conhecer as belezas naturais de São Paulo, uma ótima opção é a cidade de Brotas, distante 235 km da Capital. A Mata Nativa Aventura é um espaço para praticar esportes em meio à natureza, oferece tirolesa com um tour de 1.300 metros, tirolesa aquática e emocionantes trilhas, além de toda a infraestrutura necessária para receber os turistas.

Na zona urbana, o Parque dos Saltos é um lugar fascinante, onde o rio que passa pelo município apresenta corredeiras e quedas. Ali, pratica-se a canoagem e o rafting, e conta com uma antiga construção com valor arquitetônico que abrigava uma usina hidrelétrica.

Os visitantes que gostam de automóveis vão se fascinar com o Museu do Calhambeque, que tem um acervo com 20 veículos das décadas de 1920 e 1930.

Opções de hospedagem:

Fazenda Sinhá Ruth (14) 3653.6152

Pousada Kampai (14) 3653.2832

Fazenda Hotel Areia que Canta (14) 3653.1382

Por Paula Cassandra


Alem de ajudar na divulgação dos pontos turísticos, o Turismo traz para cada cidade visitada lucro e permite sua expansão e preservação da cultura regional.

Qualquer pessoa de diferentes classes sociais pode praticar turismo, pois nos dias de hoje, ele esta mais acessível. Além de ser um lazer diferenciado, proporciona ao turista que conheça e se familiarize com certa região.

O viajante tem a oportunidade de explorar lugares totalmente diferentes da sua rotina e pode conhecer as mais variadas e diversas culturas. Sendo assim, viajar só proporciona coisas boas para o físico e o psicológico do turista.

Então tendo a oportunidade, viaje!


Se você está em busca de aventura e belas paisagens, o Pantanal é o lugar perfeito. Lá você vai encontrar uma grande variedade de espécies animais e vegetais. Antes de arrumar as malas e embarcar nessa experiência, fique atento a algumas informações.

Primeiro, confira o período climático mais favorável para sua viagem: Se seu objetivo é pescar pacu, a época indicada vai de março a maio. Se a intenção é praticar birdwatching (observação dos pássaros), a ocasião propícia vai de julho a novembro, quando ocorrem chuvas fracas e a baixa das águas, temporada de reprodução das aves.

Escolha qual região quer visitar: O Pantanal Sul comporta dois terços da planície pantaneira: lá estão, por exemplo, as cidades de Miranda e Aquidauana, com variadas opções de hospedagem para os turistas. Uma dica para quem vai até o Pantanal Sul é seguir pelas portas de acesso: Campo Grande e Corumbá.

Se você quer ainda mais aventura, não deixe de conhecer o Pantanal Norte, localizado ao sul de Cuiabá, onde estão Barão de Melgaço (com savanas e ninhais), Cáceres e Poconé, essas áreas são mais difíceis de chegar por conta do prolongado alagamento.

Ao viajar de carro, opte por veículos com tração nas quatro rodas, pois serão bastante úteis no percurso acidentado do Pantanal. Uma coisa é certa, aventura não vai faltar nessa viagem!

pantanal


Igrejinha, a 82 km de Porto Alegre, é uma fascinante cidade interiorana. Nela, encontra-se a Toca dos Bugres, uma caverna natural, situada no centro de um morro, e ao lado de uma linda cachoeira. O local é de difícil acesso, propício para os turistas aventureiros.

O Morro Alto da Pedra também reserva fortes emoções. Nele, está a Rampa de Salto de Vôo Livre e para chegar até o seu topo anda-se por 7,5 km de estrada de chão com trechos concretados.

Quem preferir visitar a região urbana de Igrejinha, vai se encantar com a Casa de Pedra, que possui telhado construído com telhas francesas. A construção conta com todas as características das antigas casas da região.

Algumas sugestões de hospedagem:

  • Ecoland Parque Hotel (51) 3545.5500
  • Hotel Delta (51) 3545.1252
  • Camping Familiar do Fritz (51) 3545.2232




CONTINUE NAVEGANDO: